A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

11/05/2011 11:25

Parlamentares podem definir hoje novo coordenador da bancada

Débora Diniz, de Brasília
Bancada do MS se reuniu ontem em Brasília (Foto: Divulgação)Bancada do MS se reuniu ontem em Brasília (Foto: Divulgação)

Parlamentares da bancada de Mato Grosso do Sul devem decidir hoje o substituto do senador Delcídio Amaral (PT) na coordenação do grupo. Em reunião na noite de ontem, três deputados foram cogitados para assumir a função: Geraldo Resende (PMDB), Marçal Filho (PMDB) e Antônio Carlos Biffi (PT).

Mas a escolha pode recair apenas entre Marçal e Biffi, já que Resende descarta o interesse na disputa. “Não sou candidato e vou apoiar o nome que for escolhido pela bancada”, afirma. Mas confirma que vai se reunir novamente hoje com os indicados para chegar a um nome de consenso.

A escolha, porém, só deve ser oficializada na próxima reunião da bancada, prevista para junho.

Os nomes foram sugeridos com base, principalmente, no tempo de mandato. A preferência é por alguém que já tenha sido reeleito e que possua trânsito livre tanto no Palácio do Planalto quanto junto ao governador André Puccinelli.

“Eu e os outros parlamentares novatos optamos por não comandar a bancada em virtude do reduzido tempo em Brasília. Estamos na etapa de conhecimento, de ver como funcionam as coisas aqui (Brasília). Os três já conhecem bem Brasília, sabem como proceder em momentos críticos”, diz o deputado Edson Giroto (PR).

A reunião de ontem teve a participação dos senadores Delcídio do Amaral (PT), Waldemir Moka (PMDB), e dos deputados Geraldo Resende (PMDB), Fábio Trad (PMDB), Mandetta (DEM), Reinaldo Azambuja (PSDB) e Giroto (PR).

Os parlamentares do Estado decidiram que o grupo vai visitar a Empresa Energética de Mato Grosso do Sul (Enersul) no dia 3 de junho e no dia 17 de junho o grupo vai até a Embrapa, em Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions