A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

22/06/2017 08:12

Câmara decide nesta 5ª reajuste para professores, guardas e enfermeiros

Richelieu de Carlo
Servidores lotaram plenário há duas semanas para pressionar votação. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)Servidores lotaram plenário há duas semanas para pressionar votação. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)

Os vereadores da Câmara Municipal votam nesta quinta-feira (22) o reajuste para três categorias do funcionalismo público de Campo Grande: professores, enfermeiros e guardas.

As propostas incorporam adicionais ao salário-base, também conhecido como os “penduricalhos”. O ganho vem em forma de segurança jurídica e influencia, por exemplo, a aposentadoria. As categorias já se manifestaram a favor dos projetos.

Conforme o Sindicato dos Guardas Municipais, a categoria vai ter um aumento no salário-base de R$ 763,50, passando de R$ 811 para R$ 1.574,50.

Vice-presidente do Sindicato dos Enfermeiros, Ângelo Macedo esteve na terça-feira (20) na Câmara e afirma que a expectativa é de que os profissionais lotem o plenário para acompanhar a votação. Com os abonos incorporados aos salários, a remuneração base vai passar de R$ 1,2 mil para R$ 1,6 mil.

Também serão analisados hoje os projetos de plano de cargos e carreira dos servidores da Câmara. O texto estava pautado na terça, mas, segundo o presidente da Câmara, vereador João Rocha (PSDB), os vereadores optaram por votar na mesma data as propostas para os funcionários públicos, num combo de projetos. A proposta de reajuste para os servidores com ensino superior foi retirada de pauta pelo Poder Executivo.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions