ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SÁBADO  05    CAMPO GRANDE 22º

Política

Candidatas a prefeita representam menos de 15% das opções na Capital

Dos 14 candidatos confirmados nas convenções, apenas duas são mulheres em Campo Grande

Por Leonardo Rocha | 17/09/2020 09:15
Candidatas Cris Duarte (PSOL) e Sidnéia Tobias (Podemos) são candidatas a prefeita (Foto: Montagem)
Candidatas Cris Duarte (PSOL) e Sidnéia Tobias (Podemos) são candidatas a prefeita (Foto: Montagem)

Com o final das convenções, Campo Grande tem 14 candidatos a prefeito definidos pelos partidos, no entanto deste grupo, são apenas duas mulheres: Cris Duarte (PSOL) e Sidnéia Tobias (Podemos), o que representa apenas 14% dos nomes disponíveis aos eleitores.

Se for levar em conta a chapa completa na majoritária, ou seja, com candidato a prefeito e vice, apenas um partido lançou uma dupla feminina, que se trata do PSOL, que confirmou os nomes de Cris Duarte (prefeito) e Val Eloy (vice).

Na eleição passada teve este mesmo panorama, com 15 candidaturas a prefeito e apenas duas mulheres concorrendo, naquela oportunidade Rose Modesto (PSDB), que inclusive chegou ao segundo turno, e Rosana Santos do PSOL.

As duas candidatas para este ano apresentam bandeiras diferentes. Cris Duarte ressaltou que o foco da sua campanha será as demandas das mulheres, assim como a luta pelos direitos dos povos indígenas, tanto que sua vice é líder terena. Já Sidnéia Tobias que é delegada aposentada, vai apostar sua experiência na segurança pública e também em projetos para geração de empregos.

A pouca representação das mulheres na disputa, também ocorre na Câmara Munciipal de Campo Grande, tanto que dos 29 atuais vereadores,   apenas duas são mulheres: Dharleng Campos (MDB) e Cida Amaral (PSDB). Na Assembleia Legislativa a situação ainda foi pior, com nenhuma deputada eleita em 2018.

Na disputa na Capital, as mulheres são maioria apenas ao cargo de vice, com oito dos 14 candidatos: Kelly Costa (PDT), Lilian Duraes (PSL), Carlla Bernal (SD), Juliana Zorzo (MDB), Adriane Lopes (Patri), Daniela Duarte (PSC), Elisa Castro Berro (PT) e Priscila Afonso (Novo).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário