ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  07    CAMPO GRANDE 20º

Política

Com licitação homologada, Câmara prevê pontos eletrônicos até abril

Empresa vencedora do certame ofereceu serviço, além de cartões de visita, por R$ 65 mil

Por Mayara Bueno | 10/01/2019 12:04
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG).
Fachada da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG).

“Em abril, no máximo, deve estar em funcionamento”, afirma o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador João Rocha (PSDB). A licitação, cuja vencedora foi a empresa Ahgora Sistemas com o preço de R$ 65 mil, foi homologada na quarta-feira (dia 10).

Agora, o próximo prazo é da entrega de equipamento, explicou o dirigente. O setor administrativo vai levantar, a partir do número de servidores municipais, quantos relógios de ponto serão necessários para atender a Casa de Leis.

Além da locação dos equipamentos de registro de frequência, a empresa vai vender 500 cartões para visitantes da Câmara Municipal.

De acordo com o que disse anteriormente o presidente da Câmara, o ponto eletrônico faz parte de um acordo com o MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), cujo combinado foi que a instalação deve ocorrer até agosto de 2018.

A regra de controle por meio eletrônico vai, segundo Rocha, abranger todos os servidores públicos da Casa de Leis. São 500 funcionários, que hoje assinam folha de presença.