A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

13/12/2017 10:57

Deputados suspendem sessão para negociar aumento de repasse à Uems

Na Lei Orçamentária, o governo destinou R$ 207 milhões para instituição de ensino

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Sessão na Assembleia Legislativa. À direita, o deputado Amarildo Cruz, do PT. (Foto: Marina Pacheco/Arquivo).Sessão na Assembleia Legislativa. À direita, o deputado Amarildo Cruz, do PT. (Foto: Marina Pacheco/Arquivo).

Os deputados estaduais suspenderam a sessão desta quarta-feira (13) para discutir a emenda que vai elevar o repasse do Governo de Mato Grosso do Sul à Uems (Universidade Estadual de MS). A mudança faz parte da LOA (Lei Orçamentária Anual).

O documento prevê a receita e estabelece metas e prioridades para o próximo ano. O projeto de 2018 prevê arrecadação de R$ 14,4 bilhões, o que representa crescimento de 3,5% em relação ao orçamento deste ano.

A princípio, a instituição de ensino pedia que o repasse aumentasse de R$ 207 milhões para R$ 252 milhões. No entanto, a discussão gira em torno de R$ 212 milhões a R$ 214 milhões.

O acréscimo será feito por meio de uma emenda coletiva dos deputados, justamente o que é discutido neste momento. O reitor da Universidade, Fábio Edir Santos Costa, está na Assembleia reunido com os parlamentares.

São 349 emendas anexadas à Lei Orçamentária. Tratam-se de sugestões de projetos e ações para áreas como saúde, educação e infraestrutura. O projeto de lei deve ser votado em primeira discussão ainda hoje. A votação definitiva - em segunda - está prevista para 19 de dezembro.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions