A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

02/08/2016 13:35

Dos 13 vereadores de Rio Brilhante, dois desistem de disputar reeleição

Belinha Barbosa e Aguinaldo Pereira, o “Boiada”, abriram mão de tentar novo mandato; os dois alegaram motivos pessoais

Helio de Freitas, de Dourados
Belinha usou Facebook para falar que não vai disputar reeleição (Foto: Divulgação)Belinha usou Facebook para falar que não vai disputar reeleição (Foto: Divulgação)
Aguinaldo anunciou desistência em discurso na Câmara (Foto: Divulgação)Aguinaldo anunciou desistência em discurso na Câmara (Foto: Divulgação)

Dos 13 vereadores do município de Rio Brilhante, a 160 km de Campo Grande, dois desistiram de tentar a reeleição. Maria Isabel de Alvarenga Madureira Barbosa, a Belinha (PMDB), está no terceiro mandato e apontou razões pessoais para se afastar da política.

Aguinaldo Lima Pereira (PTB), o Boiada, cumpre o primeiro mandato e também apontou motivos pessoais para sair da disputa um dia depois de ter a candidatura referendada na convenção do partido.

Belinha anunciou sua decisão em postagem na rede social Facebook. Aliada do atual prefeito Sidney Foroni (PMDB), candidato à reeleição, ela agradeceu aos eleitores e disse que nos três mandatos como vereadora se esforçou para desempenhar as funções do cargo com “dedicação, honestidade e respeito”.

“Sou vereadora até o dia 31 de dezembro e, portanto, continuarei trabalhando até o final do meu mandato com o mesmo amor e compromisso com Rio Brilhante”, prometeu.

Aliado do ex-prefeito Donato Lopes (PSDB), que vai disputar a eleição para tentar um quinto mandato, Aguinaldo Boiada teve a candidatura à reeleição aprovada na convenção do partido no sábado (30), mas ontem à noite, durante a sessão da Câmara, anunciou que não vai mais concorrer.

Ele também alegou questões pessoais para sair da disputa e negou boatos de que teria ficado magoado por não ser escolhido como candidato a vice de Donato Lopes. A vaga ficou com o cirurgião dentista Marcio Belone (DEM).

Diárias – Aguinaldo Boiada é um dos vereadores de Rio Brilhante investigados pelo Ministério Público Estadual por suspeita de irregularidades no recebimento de diárias.

Ele foi primeiro secretário da Câmara de 2013 a 2014. Segundo o portal da transparência da prefeitura, recebeu R$ 61 mil em 2013 e R$ 67,2 mil em 2014.

Em fevereiro deste ano, o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) cumpriu mandados de busca e de condução coercitiva em Rio Brilhante. Sete vereadores foram levados para depoimento, entre eles Aguinaldo. O caso continua em investigação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions