ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  19    CAMPO GRANDE 31º

Política

Eduardo Riedel é aposta do PSDB para disputa ao governo em 2022

Projeto dos tucanos é preparar secretário como sucessor do governador Reinaldo Azambuja

Por Leonardo Rocha | 23/09/2020 15:46
Secretário estadual de Governo, Eduardo Riedel, ao lado do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), durante reunião (Foto: Chico Ribeiro - Governo MS)
Secretário estadual de Governo, Eduardo Riedel, ao lado do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), durante reunião (Foto: Chico Ribeiro - Governo MS)

Nas vésperas das eleições municipais, o PSDB já começa a preparar o nome do secretário estadual de Governo, Eduardo Riedel, para disputa ao governo em 2022. Ele é aposta para suceder o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que já caminha para encerrar o segundo mandato.

A confirmação veio pelo presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, em entrevista ao Campo Grande News. “Estamos organizados para eleição deste ano, mas já preparando o nome do (Eduardo) Riedel para 2022, este é o nosso projeto para o próximo pleito”, destacou ele.

Para isto, o PSDB espera discutir e ter apoio dos partidos aliados, entre eles Democratas, PSD e PP. “Vamos discutir com nossos aliados, pois se seguirmos juntos, vamos chegar fortes para 2022”. Sérgio entende que as legendas (aliadas) possam também querer disputar o governo, já que tem bons quadros.

“Nós respeitamos a todos, até porque podem lançar o (senador) Nelsinho Trad (PSD) e até a (ministra) Tereza Cristina (DEM), mas vamos sentar e conversar. Se tiver acordo seguimos juntos, mas é natural que cada um tenha sua pretensão política”.

Também adiantou que o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) é quem vai conduzir todo o processo e articulação com os aliados. O tucano, segundo ele, ainda irá escolher se vai disputar uma vaga ao Senado ou na Câmara dos Deputados.

Presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, durante entrevista (Foto: Silas Lima)
Presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, durante entrevista (Foto: Silas Lima)

Influência – De Paula acredita que o PSDB e os partidos aliados terão “sucesso” nas eleições municipais e que este bom desempenho vai ter influência em 2022. “Sabemos que cada município tem sua realidade, com disputa local, mas o resultado reflete no próximo pleito”.

Por esta razão, na hora de escolher os candidatos a prefeito, a direção do PSDB realizou pesquisas internas, tanto com os novatos, como aqueles que iriam tentar a reeleição. “Avaliamos, por exemplo, quem está bem (avaliação) na sua cidade, para tentar o segundo mandato. Isto foi levado em conta”.

Para disputa municipal, Sérgio estará a frente das candidaturas do interior, enquanto que o ex-secretário Carlos Alberto Assis ficará responsável pela chapa de vereadores na Capital. "Vamos seguir a mesma estratégia que usamos nos pleitos anteriores".

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário