A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/02/2009 17:00

Emenda de tucano beneficia Chadid com vaga no TCE

Redação

PEC (Proposta de Emenda à Constituição) apresentada pelo líder do PSDB na Assembléia Legislativa, Rinaldo Modesto, pode acabar beneficiando o procurador Ronaldo Chadid na escolha do próximo conselheiro do TCE (Tribunal de Contas do Estado).

A emenda apresentada pelo tucano modifica o inciso III do artigo 24 da Constituição, que determina a ordem de indicação para a ocupação da sexta e da sétima vagas do TCE.

Pela proposta, o primeiro a ser indicado deverá ser um representante do Ministério Público Especial. O segundo técnico a ser indicado é um auditor.

Rinaldo afirma que a ordem de indicação estabelecida em sua proposta segue a data de realização dos concursos: para procurador do Ministério Público Especial, a seleção ocorreu em 1989. Já o concurso para auditor só foi realizado dois anos depois.

Caçula entre os sete membros do Ministério Público Especial junto ao Tribunal de Contas do Estado, Ronaldo Chadid tem 47 anos e é um dos mais influentes politicamente.

Autor da PEC, Rinaldo admite que Chadid é "muito querido" entre os deputados, mas que sua proposta não tentou beneficia-lo diretamente, já que essa é uma escolha a ser feita pelo governador André Puccinelli (PMDB).

"Vou te confessar que o Chadid tem uma boa relação com todos os deputados, mas também não tenho nada contra os outros candidatos. De repente ele pode até ser amigo, mas o governador pode não escolhê-lo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions