A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/01/2014 11:42

Fábio Trad cobra mais proteção à mulher e punição severa a agressores

Kleber Clajus

O deputado federal Fábio Trad (PMDB) cobra maior intensidade nas ações de proteção à mulher, além de que “covardes que violentam” sejam punidos de forma mais severa. De acordo com o parlamentar, brechas na lei favorecem a violência e apenas ações sistêmicas entre os poderes podem resultar em uma solução efetiva.

“Eles agridem, espancam e torturam mulheres e saem da delegacia pagando um ou dois salários mínimos de fiança. A despeito dos voluntariosos e abnegados polícias, assistentes sociais, promotores e juízes, a estrutura do sistema não funciona a contento”, pontua Fábio Trad, via assessoria de imprensa.

O peemedebista ressalta ainda que a própria impunidade contribui com a violência, uma vez que os agressores reincidentes acumulam até cinco boletins de ocorrência e continuam livres.

“A confiança no afrouxamento do sistema institucional de proteção e repressão à violência contra as mulheres é tão difusa e impregnada que já existe a categoria dos 'espancadores habituais'”, comenta.

Para Fábio Trad, a solução para reverter a escalada de violência contra a mulher está em se coordenar ações sistêmicas entre os poderes municipal, estadual e federal, além de se assegurar melhores meios e infraestrutura de proteção.



Acho muito válida a preocupação do Deputado sim. Sabemos que uma só voz não muda nada, muito menos se tratando de Leis sem interesses financeiros aos cofres públicos, e Justiça seja feito o digno Deputado fez muito, e quem quiser saber é só pesquisar antes de falar (NÃO SOU FUNCIONÁRIA PÚBLICA, SOU APENAS ELEITORA). Quanto a interferência em brigas de casais, deve existir sim, pois a maioria das mulheres não conseguem enxergar e muito menos ter iniciativa de por um ponto final, no inicio das agressões, protelando e dando liberdade para que o parceiro se exalte cada dia mais. Uma relação, seja em qual esfera for, tem como alicerce o RESPEITO, sem ele não há AMOR e muito menos PAIXÃO. Tudo começa na primeira ofensa verbal e depois o primeiro tapa... Então se segue para um caminho sem volta.
 
ADRIANA SILVA em 13/01/2014 18:25:18
elegeu na promessa de mudar as leis de execuçoes penais e endurecimento das penas e acabar com as regalias e nada mudou .
de lei ele entende e porque nao o fez pelo menos um projeto que mude a realidade
dessas leis falidas...
 
janilson cavalcante em 13/01/2014 16:27:20
Ricardo Franco, concordo plenamente !Essa e a obrigação dos políticos. sabia as suas palavras !!!!!
 
Letícia Escobar Silvestre em 13/01/2014 15:25:21
PREZADO DEPUTADO FEDERAL, NADA DE PUNIÇÃO PARA NINGUÉM, MELHOR E RECONCILIAÇÃO, E NÃO POR A COLHER EM BRIGA DE MARIDO E MULHER, POIS V.EXCIA, VEM DE UMA FAMÍLIA, SABE QUE SEMPRE HOUVE DIVERGÊNCIA, ENTRE OS VOSSOS GENITORES, E NUNCA SE MATARAM, POIS NÃO HOUVE INTERFERÊNCIA DE AUTORIDADE OU ALGUÉM SEQUER, AS AUTORIDADES, QUANDO FOREM, CHAMADAS, DEVEM É ACONSELHAR CASAIS, QUE SE CUIDEM, TENHAM RESPONSABILIDADE DE CASADO, E CUIDEM DOS FILHOS, E A RESPONSABILIDADE FAMILIAR, JUNTO A DEUS, POIS DEUS É CASAMENTO, E SEPARAÇÃO É diabo, E O diabo, VEIO PARA MATAR, ROUBAR E DESTRUIR, MANDE OS AOS PADRES, AOS PASTORES, POIS OS CONSELHOS, SÃO MAIS DIVINOS, E PRÓSPEROS, NÃO OS DE POLÍCIA, PURO ENGANO, E DEUS NÃO GOSTA DISSO, QUE DEUS ABENÇOE.
 
PEDRO A BRAGA em 13/01/2014 14:56:07
Taí! Gente que adora um holofote! Espera acontecer alguma coisa grave, virar assunto na mídia pra se dizer "preocupado" com a causa! Essa é a obrigação dos políticos! Mas enquanto não é destaque na imprensa, ninguém se "preocupa"! Vamos deixar de lado a hipocrisia e trabalhar em prol da população com atitudes de PREVENÇÃO e não de combate! Afinal, esse sempre foi um problema enfrentado pelas mulheres e político nenhum cobrou "proteção às mulheres" e "punição severa" quando isso não era notícia!
 
Ricardo Franco em 13/01/2014 12:58:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions