ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, DOMINGO  23    CAMPO GRANDE 22º

Política

Mandetta diz que Harfouche é bem-vindo na disputa ao Senado por MS

Rose Modesto tem apoio do Avante se lançar Harfouche e prefere Mandetta candidato a deputado federal

Caroline Maldonado | 04/06/2022 13:05
Ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (União Brasil) (Foto: Caroline Maldonado)
Ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (União Brasil) (Foto: Caroline Maldonado)

“Esse assunto é superado. A minha candidatura ao Senado vai ocorrer”, disse o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (União Brasil), durante Encontro Estadual do partido hoje (4), na Capital. Ocorre que o União precisa de apoio de outros partidos para lançar a deputada federal Rose Modesto ao governo estadual e por isso já tem acordos com Podemos, Avante, PSC e Pros. O Avante, traz o nome do procurador Sérgio Harfouche para disputar o mesmo cargo. “Dividir” votos preocupa membros da coligação.

Mandetta não se importa com isso. “Se você lembrar da eleição anterior, vai ver que na chapa do Reinaldo, tinha o Nelsinho, a Soraya, tinha quatro ou cinco. Não vejo problema nenhum. É muito bem-vinda a candidatura dele [Harfouche]. Já disputei muitas eleições. Quanto mais opção o eleitor tiver, melhor. Isso é muito bom”, disse.

O coordenador político da pré-candidatura de Rose, Marcelo Miglioli (União Brasil), já declarou sua preferência quanto ao cargo para o Senado. “Na minha opinião temos que agregar e isso significa lançar o Harfouche, mas isso é uma decisão de grupo”, disse.

Rose também prefere que Mandetta dispute outro cargo. “Só vamos decidir na convenção, mas como pré-candidata ao governo preciso fazer composição, não posso ter toda majoritária do meu partido apenas e o Harfouche é o pré-candidato que sinaliza que quer caminhar conosco. O Mandetta tem condições de ir para deputado federal”, comentou.

Rose Modesto (União Brasil) e Sérgio Harfouche (Avante) tiram foto com apoiadora durante encontro estadual do União Brasil (Foto: Caroline Maldonado)
Rose Modesto (União Brasil) e Sérgio Harfouche (Avante) tiram foto com apoiadora durante encontro estadual do União Brasil (Foto: Caroline Maldonado)

Harfouche esteve hoje no evento do União e reafirmou sua pré-candidatura, sem comentar a questão das discussões sobre a candidatura de Mandetta. “Estou aqui porque fui convidado pela Rose e a Soraya. Não sou eu que estou me impondo”, afirmou.

O procurador pediu aposentadoria do MPMS (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul) para poder disputar o Senado Federal neste ano. Nas duas últimas eleições (para Senado e Prefeitura de Campo Grande), ele enfrentou questionamentos na Justiça Eleitoral mesmo licenciado do cargo.

Questionado sobre o enfraquecimento da capacidade de conseguir votos para eleger um senador, Mandetta disse que tem certeza de que terá boas condições, em função de sua carreira política. “Eu vou de coração, vou andar a pé por esse meu Estado e eu conheço gente aqui esse povo vai levantar”, disse.

Nos siga no Google Notícias