A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

11/01/2013 15:49

Manutenção de secretário acusado de receber propina preocupa vereadores

Fabiano Arruda
Ex-presidente da Casa, vereador Paulo Siufi diz que acompanha o caso com preocupação. (Foto: arquivo)Ex-presidente da Casa, vereador Paulo Siufi diz que acompanha o caso com preocupação. (Foto: arquivo)

Vereadores de Campo Grande mostraram preocupação com o fato de o secretário Gustavo Freire, que acumula as pastas de Finanças e de Governo na Prefeitura, ser alvo de processo na Justiça Federal sob acusação de participar de um esquema de recebimento de propina para liberar cargas, em Corumbá, quando trabalhou como auditor fiscal na cidade.

O prefeito Alcides Bernal (PP) já adiantou, em entrevistas, que vai manter suas nomeações no primeiro escalão. 
“Tudo que começa mal termina mal”, declarou o vereador Airton Saraiva (DEM) nesta sexta-feira. “É uma preocupação para a Câmara ter um secretário investigado pelo Ministério Público Federal”.

Para o democrata, um integrante de primeiro escalão de uma prefeitura de capital deveria ter ficha limpa. Ele ainda destacou que o currículo sem “máculas” na política esteve no centro dos discursos de Bernal durante a campanha.

Segundo Saraiva, a Câmara tem de debater o assunto assim que iniciar os trabalhos no mês que vem. O vereador ainda estranhou a situação, já que, conforme ele, o progressista demorou a nomear seus secretários. “Ele precisa fazer uma avaliação”

Paulo Siufi (PMDB), ex-presidente da Casa, também se definiu preocupado. “Creio que ele (Bernal) desconhecia o passado do secretário”, comentou, fazendo coro a “Ficha Limpa” na administração pública.

No entanto, o peemedebista diz que o julgamento do caso tem de ser feito pela Justiça. “Se for culpado, a Câmara tem de exigir a saída dele”, explicou, ressaltando que, como vereador, vai auxiliar o trabalho do novo prefeito, contudo, vai criticar o que “estiver errado”.

Por outro lado, o vereador João Rocha (PSDB) avalia que as escolhas do secretariado são de total responsabilidade do chefe do Executivo Municipal. “O Bernal escolhe o perfil que deseja e as potencialidades. Ele tem liberdade para escolher o primeiro escalão”, frisou, destacando que as informações sobre o secretário de Receita e Governo devem ter comprovação. “Temos que aguardar fechar o primeiro escalão e analisar o trabalho para depois se posicionar”.

O caso – Freire é acusado de ter participado de esquema que cobrava propina para liberar cargas de uma refinaria de petróleo sem o pagamento de tributos ou marcação de mercadoria enquanto exercia o cargo de auditor da Receita em Corumbá entre os anos de 2007 e 2008.

Ação do MPF, ajuizada em dezembro do ano passado, aponta que o “supersecretário” e outros dois auditores, um empresário e dois despachantes aduaneiros participavam do esquema, que teria dado prejuízo à União que ultrapassa de R$ 1 milhão.

O processo é desdobramento da Operação Vulcano, desencadeada pela Polícia Federal, numa investigação da corregedoria da Receita, que motivou a ação.



se eu náo estiver com meu nome limpo
não posso comprar nada ( nem remédio).
esses caras tem que ter ficha limpa sim ( parabens aos veriadores)
vcs são os nossos representanes tem que fiscalisar onde ha fumaça ha fogo, qualquer louco sabe disso, ninguem é santo.
 
JOSÉ HUMBERTO DA SILVA em 12/01/2013 22:38:02
Esses vereadores, são uma piada. Valem 15.000 mil reais.
 
nilo papito em 11/01/2013 20:32:35
O Saraiva só está preocupado com os cargos que perdeu na Prefeitura, quando é de se tratar de outra pessoa que tem uns processos no STJ, ele se rasga de elogios e faz tudo para esta pessoa, leia-se o Governador. Dois pesos e duas medidas.
 
Roberto Domingos em 11/01/2013 19:26:29
O pior é vereador que compra voto para se eleger, este é mais perigoso.
 
Sergio Sangalli em 11/01/2013 16:50:02
Caras de Pau estes vereadores, deveriam estar muito, mas muito preocupados mesmo, com o chefão deles o Governador, que além de estar respondendo a inúmeros processos, vivem abraçados e seguindo as ordens dele, além da maioria terem suas campanhas bancadas pelo chefão.
 
antonio pereira em 11/01/2013 16:35:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions