A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/06/2012 10:55

PMDB é o único “tranquilo” na reta final por fechamento de alianças

Fabiano Arruda
Alcides Bernal, Athayde Nery, Edson Giroto, Reinaldo Azambuja e Vander Loubet,  pré-candidatos já colocados para a disputa em outubro. (Foto: Montagem)Alcides Bernal, Athayde Nery, Edson Giroto, Reinaldo Azambuja e Vander Loubet, pré-candidatos já colocados para a disputa em outubro. (Foto: Montagem)

No mês decisivo para fechamento de alianças políticas à disputa da Prefeitura de Campo Grande, os partidos que anunciaram ter pré-candidatos intensificam as negociações. As convenções, que podem ser realizadas a partir da próxima semana, só devem ocorrer no fim do mês (o prazo final é 30 de junho) para prolongar ao máximo o prazo das articulações.

Entre as siglas, o PMDB, do pré-candidato e deputado federal Edson Giroto, parece ser o único seguro em relação aos partidos parceiros. Na tarde desta segunda-feira, o prefeito Nelsinho Trad revelou que a aliança com o DEM, quase pública, deve ser oficializada nesta semana. “Está tudo encaminhado”, comentou.

Sobre o número de partidos, Nelsinho destacou que já tem dois dígitos na conta, ou seja, os aliados somam, ao mínimo, dez, embora Trad já tenha anunciado que a intenção é chegar a 15.

Garantiu ainda que existe a expectativa da vinda do vice-presidente Michel Temer para as convenções, cuja data não foi revelada.

Além dos democratas, apontados como certos estão PTB, PR, PTdoB, PSL e PRP. PDT e PSB também aparecem como prováveis parceiros na lista.

Já a convenção para oficializar a candidatura do deputado federal Vander Loubet (PT) está marcada: dia 24 às 9 horas. O petista não quis confirmar o número de partidos aliados. Só adiantou que negocia com PSB, PCdoB, PRB e PSL, que também é apontado como aliado do PMDB.

“Estou impressionado com a disposição da nossa militância e muito confiante em chegarmos ao segundo turno, sobretudo, por conta da pulverização de candidatos”, comentou.

A mesma cautela em confirmar as alianças segue para os outros pré-candidatos na corrida. O deputado estadual Alcides Bernal (PP) diz que as negociações continuam e que, por conta do “assédio”, não pode revelar nem com quais partidos conversa nem quantos são.

“É lamentável que nesta época exista assédio aos partidos pelo maior preço. O PP não vai entrar nesta”, criticou, revelando ter informações da cúpula nacional do partido de que o PMDB voltou a assediá-lo para pleitear seu apoio. “Nossa campanha vai ser modesta e com tranqüilidade”, pontuou.

Por sua vez, o PSDB, do pré-candidato e deputado federal Reinaldo Azambuja, deve realizar as convenções entre os dias 25 e 30. Até lá sigilo total nas articulações.

Em entrevista recente ao Campo Grande News, o tucano sinalizou que sua candidatura tem quatro partidos aliados, mas o número deve subir até o fim do prazo para o fechamento das alianças.

E o PPS, do pré-candidato e vereador Athayde Nery, deve homologar a candidatura à Prefeitura de Campo Grande no dia 30. Sobre as negociações políticas é enfático. “Isto é um segredo que só vai ser divulgado na convenção. Existem forças muito poderosas interessadas no assunto”, brincou.

Segundo Nery, certo é que o partido está pronto para concorrer a eleição, mesmo que seja com chapa pura. “As negociações por aliança seguem até o último minuto. Só batemos o martelo quando fizer o acordo de vida e de morte”, exagerou.



Quando que os dirigentes dos ditos partidos nanicos, bem como os presidentes de siglas de aluguel, compreenderão que o caminho a seguir é o da democracia representada na alternância de poder e não pela ditadura do PMDB. Viva a democracia!
 
Peter de Souza Dias em 08/06/2012 10:13:49
giroto já ganho essa disputa em campo grande, pode ajusta todos os partidos que nao tem pra ninguém. giroto na cabeça é 15, nosso prefeito da capital!!!!!!!!!!
 
Armando faria em 07/06/2012 10:18:29
Faltaram nesta lista PSTU com suel, PSD com Antônio Jõao, PV com marcelo bluma porque até o fechamento das convenções todos são ré candidatos e a imprensa séria que bem informa não pode deixar ninguém de fora, a menos que já esteja tomando partido.
 
jorge cabral em 05/06/2012 08:02:44
E o pré-candidato do PV, vereador Marcelo Bluma? Por que não é citado? Ele já lançou sua intenção real de sair candidato, inclusive com uma carta à população de Campo Grande. Acredito ser interessante um número maior de candidatos, com mais opções para a nossa população.
 
Sandro Trindade Benites em 05/06/2012 06:27:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions