ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, TERÇA  23    CAMPO GRANDE 19º

Política

Prefeito diz que crise "está em todo lugar" e vai acabar em até 90 dias

Lidiane Kober e Filipe Prado | 30/05/2015 12:01
Prefeito foi conferir ação social no Jardim Macaúbas (Foto: Marcos Ermínio)
Prefeito foi conferir ação social no Jardim Macaúbas (Foto: Marcos Ermínio)

O prefeito Gilmar Olarte (PP) disse, neste sábado (30), durante ação social em escola do Bairro Jardim Macaúbas, que a crise é geral e previu o seu fim em até 90 dias. Ele ainda justificou medidas “mal vistas” para “preservar o salário dos servidores”.

“Não é só crise na saúde de Campo Grande, a crise é em todo lugar, em todo o país”, disse Olarte, em resposta a questionamento sobre caos em postos de saúde diante da falta de médicos em greve desde a metade de maio.

A paralisação é em protesto a cortes de benefícios e por reajuste salarial. “Para melhorar (o atendimento) precisei fazer umas medidas que não foram bem vistas pela população, mas que vão ajudar a preservar o salário dos servidores”, justificou o prefeito.

Ele ainda previu o fim da crise em até 90 dias. “Daqui uns 60, 90 dias a crise deve passar e as ações vão mostrar isso”, afirmou. Olarte ainda promete anunciar “mais para frente” outras ações sociais, como a de hoje, “para agilizar exames e reduzir filas”.

Em sua terceira edição, o projeto Ação Municipal vai oferecer, gratuitamente, exames a pessoas acima dos 60 anos para identificar a doença da catarata. As cirurgias serão agendadas e realizadas no Hospital São Julião, parceiro da prefeitura. A previsão é atender 200 pessoas.

Nos siga no Google Notícias