ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  25    CAMPO GRANDE 21º

Política

Prefeito se reúne com grupo de universidades para falar da 'lei da mordaça'

Projeto polêmico foi aprovado na Câmara e Bernal promete vetar

Por Mayara Bueno | 19/04/2016 07:28
Prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). (Foto: Arquivo).
Prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). (Foto: Arquivo).

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), se reúne, nesta terça-feira (19), com grupo de universidades para discutir a Lei da Mordaça. O encontro será no próprio Paço Municipal a partir das 8 horas. Ainda nesta terça-feira,Bernal entrega uniformes e participa de evento em homenagem ao dia do Exército.

Polêmica por restringir a discussão de política e religião nas escolas, a chamada “lei da mordaça” foi alvo de protestos desde sua aprovação na Câmara Municipal, o que aconteceu há cerca de 15 dias.

Grupos contra e até favoráveis a lei já foram à casa de leis protestar a respeito do dispositivo. Com a lei aprovada, cabe ao prefeito sancionar, ou seja, torná-la válida e vigente ou vetar, desta forma arquivando a proposta.

Bernal já disse, inclusive reiterou ontem, que vai vetar a “lei da mordaça”, por entender que se trata de censura nas escolas e a aprovação da lei se trata de tentativa dos parlamentares de desviar a atenção sobre a Operação Coffee Break. Prometeu também enviar ainda esta semana a proibição para a Câmara.

No entanto, uma vez o veto encaminhado aos vereadores, eles ainda podem derrubá-lo. Se isso acontece, o prefeito se vê obrigado a cumprir, a não ser que recorra à Justiça.

Entrega e evento - Às 14 horas, Alcides Bernal entrega uniformes e assina termo de cooperação do projeto 'florestinha e bombeiros do amanhã', na Esplanada Ferroviária. Mais tarde, às 19 horas, participa de evento em homenagem ao dia do Exército no CMO (Comando Militar do Oeste).