A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

28/07/2018 14:04

PSD de MS apoia Alckmin e decide sobre candidato ao governo até terça

Contudo, direcionamento nacional é que partido no Estado siga parceria em apoio ao PSDB

Mayara Bueno
Da esquerda à direita, presidente do PSD em MS, Antônio Lacerda, candidato a presidente do PSDB, Geraldo Alckmin, prefeito Marquinhos Trad e ministro Gilberto Kassab. (Foto: Divulgação/PSD).Da esquerda à direita, presidente do PSD em MS, Antônio Lacerda, candidato a presidente do PSDB, Geraldo Alckmin, prefeito Marquinhos Trad e ministro Gilberto Kassab. (Foto: Divulgação/PSD).

Em São Paulo (SP), o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), e a cúpula do partido no Estado definiu apoio ao candidato a presidente da República, Geraldo Alckmin (PSDB). Durante a convenção, que ocorreu neste sábado (dia 28), na capital paulista, as lideranças tiveram de decidir entre ter candidato próprio, que seria o empresário Guilherme Afif, ou o candidato tucano.

"Votei na coligação do PSDB, encabeçada por Geraldo Alckmin", afirmou ao Campo Grande News o chefe do Executivo municipal. O presidente do partido em MS, Antônio Lacerda, e o deputado federal Fábio Trad (PSD), também votaram pelo apoio do PSD à candidatura tucana.

Marquinhos disse que o empresário Guilherme Afif, que seria candidato do PSD, é um "excelente nome", mas que o entendimento foi de que Alckmin reúne "maiores condições técnicas e políticas". "Não há discórdia [dentro do partido]". 

Lideranças do PSD durante reunião partidária que ocorre em São Paulo neste sábado. (Foto: Divulgação).Lideranças do PSD durante reunião partidária que ocorre em São Paulo neste sábado. (Foto: Divulgação).
Prefeito Marquinhos Trad vota em convenção do PSD. (Foto: Divulgação).Prefeito Marquinhos Trad vota em convenção do PSD. (Foto: Divulgação).

Do total de aptos a votar, 117 foram a favor do apoio ao ex-governador de São Paulo e 16 queriam candidato próprio ao Planalto, com Afif. A convenção terminou há pouco na capital paulista.

Em âmbito estadual, segundo ele, o pedido da cúpula nacional de sua legenda é apoiar candidato "com experiência administrativa", caso o PSD não lance candidatura própria. A decisão do partido em MS sairá até terça-feira, garante o chefe do Executivo municipal.

Até então, tanto o prefeito, quanto o presidente regional do partido, afirmam que existe proximidade com o governador do Estado, mas ambos condicionam o apoio aos desdobramentos da convenção de hoje.

Qualquer decisão que sair hoje, no entanto, será submetida aos integrantes do partido no Estado. "Independentemente da sinalização, eu vou ouvir os membros do PSD", afirma.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions