A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

25/07/2018 18:50

“Frutos positivos” pesaram em aliança entre PSB e PSDB, diz Elizeu Dionizio

Presidente regional confirmou apoio à reeleição de Reinaldo Azambuja e afirma ver condiçõe de a disputa ser encerrada ainda no primeiro turno

Humberto Marques e Anahi Gurgel
Elizeu avalia que parceria até aqui mostra viabilidade de aliança entre o PSB e o PSDB. (Foto: Anahi Gurgel)Elizeu avalia que parceria até aqui mostra viabilidade de aliança entre o PSB e o PSDB. (Foto: Anahi Gurgel)

O Diretório Regional do PSB e o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) confirmaram há pouco, no término da convenção dos socialistas no Grand Park Hotel, em Campo Grande, a aliança visando a reeleição do chefe do Executivo estadual nas eleições deste ano. Aprovada por unanimidade entre os convencionais, a coligação terá potencial para “encerrar isso (a disputa) logo no primeiro turno”, afirmou um confiante Elizeu Dionízio, deputado federal e presidente regional do PSB.

Elizeu afirmou que a opção pelo PSDB enfrentou dificuldades nas negociações, nas quais “houve empurra e puxa, mas sempre convergindo para um bem comum”. Porém, o partido sempre entendeu que a parceria com a administração de Reinaldo até aqui “rendeu frutos positivos, em uma união de partidos que têm ideias semelhantes”.

O dirigente do PSB destacou, ainda, que a administração estadual manteve um ritmo de realizações mesmo diante da crise que atingiu o país “com reflexo em Mato Grosso do Sul”. Além disso, disparou contra o governo do presidente Michel Temer (MDB), que “virou as costas para as fronteiras do Estado”. Elizeu ainda afirmou que, mesmo com tais quadros adversos, “o governo do Reinaldo conseguiu atravessar a turbulência com muita transparência”.

“Por tudo isso é que o PSB agora caminha rumo a batalhar por mais quatro anos para o governo do Reinaldo”, destacou, reforçando a expectativa de “encerrar isso logo no primeiro turno”. O PSB também vinha discutindo a possibilidade de aliança com o MDB, porém, no início da convenção, o presidente regional destacou que a prisão do pré-candidato emedebista ao Executivo, André Puccinelli, descartava as chances de o entendimento avançar.

Reinaldo ressaltou importância da afinidade na composição de alianças e pediu à população que não deixe de votar. (Foto: Anahi Gurgel)Reinaldo ressaltou importância da afinidade na composição de alianças e pediu à população que não deixe de votar. (Foto: Anahi Gurgel)

Aliança – Presente ao evento, Reinaldo Azambuja fez uma breve avaliação de sua gestão, destacando que “74% do prometido pelo governo já foi cumprido” ao longo de quase quatro anos. Contudo, concentrou-se também na importância da composição de um arco de alianças com afinidade de ideias.

“Aliança você só faz com quem você gosta e com quem gosta da gente”, destacou. Ele reiterou, porém, que os entendimentos devem envolver “o que vai ser composto na Câmara Federal e, principalmente, na Assembleia Legislativa, pensando no que se terá depois em termos de apoio” para a governabilidade.

O governador ainda destacou que “a parceria (entre partidos) é fundamental, mas a decisão do voto é soberana”, destacando a necessidade de a população participar do processo eleitoral. Ele ainda considerou ser “um grande erro” o fato de algumas pessoas optarem por não irem às urnas ou anularem o voto.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions