ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  18    CAMPO GRANDE 21º

Política

Reajuste dos professores deve ser aprovado ainda hoje pelos deputados

Por Francisco Júnior | 17/12/2013 10:56

O rejuste dos professores dos professores da Rede Estadual de Ensino deve ser aprovado ainda hoje pelos deputados. Ontem (16) o Governo estadual e a Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação) entraram em acordo e, sendo aprovado, o aumento salarial da categoria será de 8,5% e entrará em vigor a partir do dia 1 de janeiro de 2014.

O governador André Puccinelli esteve nesta manhã na Assembleia e destacou que até 2014 sua administração já terá cumprido 69,29% do piso salarial por 20 horas e o restante será feito em quatro anos. Ele afirmou que a intenção da federação era que o piso fosse cumprido em três anos, mas ressaltou que “nenhum governador e nem candidato ao governo estadual iria assumir um compromisso como esse”, disse.

Mato Grosso do Sul será o primeiro estado brasileiro a pagar o piso nacional para uma jornada de 20 horas para o magistério, sendo o segundo maior do País.

O deputado estadual Jerson Domingos confirmou que o projeto vai ser votado ainda hoje e que Mato Grosso do Sul vai sair na frente de todos os Estados.

De acordo com Roberto Botarelli, presidente da Fetems, hoje o governo paga por 40 horas R$2.167,00 e que em quatro anos o Estado vai chegar ao piso nacional de 20 horas.

Um professor com nível superior poderá receber R$ 1.880,40 para jornada de 20 horas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário