ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEXTA  28    CAMPO GRANDE 29º

Política

Reajuste e reforma das carreiras seguem em discussão na Assembleia

Servidores estaduais terão reajuste linear de 10% a partir de janeiro de 2022

Por Adriel Mattos | 28/11/2021 17:52
Plenário Deputado Júlio Maia durante sessão. (Foto: Luciana Nassar/Alems)
Plenário Deputado Júlio Maia durante sessão. (Foto: Luciana Nassar/Alems)

A Alems (Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul) continua a analisar os projeto de lei para reajuste salarial e reforma de algumas carreiras do funcionalismo público estadual. Na terça-feira (30), são 13 propostas pautadas.

Vai à segunda votação a proposição que concede 10% de aumento a todos os servidores em 2022. Os demais tratam das reformas de carreiras nas áreas de segurança pública, saúde e educação.

Na quarta-feira (01.12), o destaque é um projeto de Jamilson Name (sem partido) que cria holerite acessível para os funcionários públicos com deficiência visual. Na quinta-feira (02.12), uma das matérias a serem discutidas é de autoria de Pedro Kemp (PT), que cria o Dia Estadual de Combate às Notícias Falsas, em 24 de março.

Pacote – Há duas semanas, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) entregou o pacote de projetos de reajuste e reestruturação das carreiras. Foi anunciado o reajuste salarial de 10% aos servidores e a incorporação de abono.

Os planos de cargos e carreiras de categorias como de servidores das polícias Militar e Civil, administrativos da Educação, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e CGE (Controladoria-Geral do Estado).

“Não vamos fazer exceções e descumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal. Estamos enquadrados hoje e foram seis anos para sair do limite prudencial. Não termina aqui nossa conversa com as categorias. É algo permanente e algumas seguimos negociando os valores ainda”, disse o governador na ocasião.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário