A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Março de 2019

01/11/2018 12:30

Segurança na fronteira é a pauta nacional de MS, avaliam deputados

Parlamentares avaliam que este deve ser o principal pedido ao novo presidente eleito

Leonardo Rocha
Deputados José Carlos Barbosa (DEM) e Herculano Borges (SD), durante sessão (Foto: Victor Chileno/ALMS)Deputados José Carlos Barbosa (DEM) e Herculano Borges (SD), durante sessão (Foto: Victor Chileno/ALMS)

Os deputados avaliam que segurança e cuidado com as fronteiras seja a pauta principal de Mato Grosso do Sul a nível nacional. Eles entendem que esta deve ser a prioridade no contato do governo estadual e da bancada federal, com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). O tema inclusive ganhou espaço nas visitas dos candidatos à Presidência ao Estado.

“Se trata da nossa prioridade pelo fato de estarmos ao lado de dois países (Bolívia e Paraguai), e de termos de combater a entrada de drogas, armas e conbtrabando. Precisamos de um apoio mais efetivo da União nesta nova gestão”, disse Márcio Fernandes (MDB).

Para Evander Vendramini (PP) é fundamental “fortalecer a segurança” na região, além do papel do governo federal buscar parcerias com os países vizinhos. “Tem que ter uma ação em conjunto. Na terça-feira (30) participei de um evento com o presidente da Bolívia, Evo Morales, que demonstrou interesse em fortalecer esta proteção”.

Herculano Borges (SD) citou os gastos que o Estado tem com “presos” em função de crimes federais,m como tráfico de drogas e armas. “Trazem um custo grande para as contas nos presídios estaduais, que deveriam na verdade ser uma despesa da União, além disto precisa se buscar o fechamento da fronteira”.

Documento – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) já declarou que enviou documento sobre segurança pública e fronteira para Bolsonaro e que espera que tais discussões ocorram a partir de 2019 com o presidente eleito.

“Blindar a fronteira é a presença policial. Quem está cuidando hoje das fronteira é o DOF. Mas se tiver o reforço da forças federais, por exemplo, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército, vai melhorar muito", disse o tucano.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions