A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Agosto de 2019


04/07/2019 06:27

Busca de turistas estrangeiros por Mato Grosso do Sul cresceu 14%

Levantamento do Ministério do Turismo apresenta dados referentes aos últimos quatro anos

Paulo Nonato de Souza
Gruta do Lago Azul, monumento da natureza no município de Bonito, um dos atrativos preferidos dos turistas estrangeiros (Foto: Reprodução)Gruta do Lago Azul, monumento da natureza no município de Bonito, um dos atrativos preferidos dos turistas estrangeiros (Foto: Reprodução)

A vinda de turistas estrangeiros para curtir as belezas naturais de Mato Grosso do Sul cresceu 14% nos últimos quatro anos, revelou o Estudo de Demanda Internacional, do Ministério do Turismo. Em todo o país o crescimento foi de 14,6%.

De acordo com o levantamento, o turismo de natureza ficou em segundo lugar na preferência dos estrangeiros, atrás apenas do segmento sol e praia, e os destinos sul-mato-grossenses, especialmente Bonito e Pantanal, aparecem entre os mais procurados. A América do Sul é a principal origem dos visitantes estrangeiros ao Brasil, seguida pela Europa e América do Norte. Por país, a Argentina foi a principal origem, seguida pelos Estados Unidos, Paraguai, Uruguai e França.

Já o Observatório do Turismo e Eventos de Bonito revelou que somente no primeiro trimestre deste ano o município recebeu 60.418 turistas, entre brasileiros e estrangeiros. No período, o total de passeios realizados nos atrativos turísticos em Bonito foi de 220.851, 1,2% a mais que em 2016 (218.270), 7,8% a mais que 2017 (204.887) e 10,4% a mais que 2018 (199.999).

“Esses números podem aumentar ainda mais com o programa Investe Turismo, que irá estruturar as rotas turísticas Pantanal Sul e Bonito, capacitar os trabalhadores do setor, promover cada um desses destinos e identificar a viabilidade de investimentos”, disse o ministro Marcelo Álvaro Antônio, esta semana, durante visita a Bonito. As rotas Pantanal Sul e Bonito envolvem os municípios de Aquidauana, Miranda, Corumbá, Bonito, Jardim e Bodoquena, todos fartos em belezas naturais.

O programa Investe Turismo, desenvolvido pelo Ministério do Turismo em parceria com a Embratur e Sebrae, diz que as rotas turísticas Pantanal Sul e Bonito serão contempladas com um pacote de ações em quatro linhas de trabalho.

Prevê o fortalecimento da gestão do setor por meio de uma agenda estratégica entre público e privado, a melhoria dos serviços e atrativos turísticos com foco especial nas micro e pequenas empresas, marketing e apoio à comercialização a partir de campanhas, produção de inteligência mercadológica, eventos estratégicos, atração de investimentos e apoio ao acesso a linhas de crédito e fontes de financiamento.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.