A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

14/08/2012 18:02

Incêndios destróem 20 mil hectares de vegetação em Corumbá

Gabriel Neris

Município ainda lidera o número de focos de incêndio registrados. No mês de agosto foram 1.055 até a última segunda-feira

INPE registrou 24 focos de incêndio, em Corumbá, na última segunda-feira (Foto: Ibama)INPE registrou 24 focos de incêndio, em Corumbá, na última segunda-feira (Foto: Ibama)

O satélite do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) registrou “apenas” 24 focos de incêndios na última segunda-feira (13), em Corumbá. O número é considerado baixo em relação ao dia anterior, quando foram registrados 94 focos.

O Ibama estima que as queimadas consumiram 20 mil hectares de vegetação no município.

O trabalho dos brigadistas do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e Corpo de Bombeiros continua com a ajuda do helicóptero do Ibama de Brasília.

Os 24 focos de incêndios geram uma desconfiança do coordenador estadual do Prevfogo, Márcio Yule. “Não sabemos se é uma tendência ou se é problema do satélite. Os focos de calor identificados foram apenas esses”, comentou.

A aeronave emprestada do Ibama de Brasília permanece atuando, em Corumbá, e não há previsão de término.

Segundo Yule, com os focos de calor controlados será possível mensurar a extensão das áreas atingidas pelos incêndios.

Corumbá ainda lidera o número de focos de incêndio registrados. No mês de agosto foram 1.055 até ontem. Grajaú (MA) está na segunda colocação com 529, e Altamira (PA) é o terceiro com 372 focos.

Na tabela anual, Corumbá também está na primeira colocação. Foram registrados 2.047 focos registrados. Mirador (MA) é o segundo com 1.090, e Balsas (MA) o terceiro com 750.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions