A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Junho de 2018

17/03/2018 13:31

UFMS vibrante e pujante em 2018

Marcelo Turine

Certa vez, Ayrton Senna falou que “na adversidade, uns desistem, enquanto outros batem recordes”. Nós, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, definitivamente não desistimos. Em 2017, apesar de movimentos corrosivos, de ataque às instituições públicas de ensino superior no Brasil, fechamos nossas contas com saldo e indicadores positivos, comparada à maioria das universidades federais do país. A UFMS tem crescido e se consolida como um valioso patrimônio do povo sul-mato-grossense. Configura-se, hoje, como o maior centro de excelência do Estado na produção de conhecimento científico e tecnológico.

Em 2018, novas conquistas inesquecíveis estão por vir, intensas e inovadoras para nossos jovens estudantes, professores e técnicos-administrativos, fruto de novas parcerias institucionais, de governança pública e transparência. Isso tudo num ano com cenário nacional movimentado pela Copa do Mundo, com eleições estaduais e presidencial. Na UFMS, continuamos a manter nosso compromisso com a Comunidade Universitária pautado no diálogo com nossos jovens, conscientes dos desafios e das problemáticas atuais, preocupados com a melhoria do ensino superior e da infraestrutura da Cidade Universitária e dos nove campus localizados em todo o Estado de Mato Grosso do Sul. Estamos alertas e com planos já em ação.

A partir deste ano, todas as ações da UFMS terão vínculo com um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), os quais estão harmonizados com três elementos centrais: crescimento econômico, inclusão social e proteção ao meio ambiente. Dessa forma, a UFMS se mantém concentrada na formação de jovens e na organização e divulgação das pesquisas de alto impacto social para o desenvolvimento do Estado de Mato Grosso do Sul e do Brasil.

As ações de gestão na UFMS têm seguido critérios técnicos e de mérito, de modo a garantir-lhes sucesso, tendo como foco especial as demandas dos nossos estudantes, planejamento estratégico, valorização do capital humano, resolutividade, harmonização de ambientes, transparência, eficiência, gestão de projetos, gestão de fluxo de processos e parcerias com governo estadual e municipais, sociedade, setor produtivo, federações e nossos deputados estaduais, federais e senadores. Tudo alinhado a um acompanhamento sistemático de suas lideranças administrativas institucionais que, recentemente, passaram a contar com a ajuda do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que melhorou a comunicação interna e já proporcionou a economia em mais de 40%, no âmbito da Instituição. Agora, todos os nossos processos são eletrônicos e digitais, nada em papel.

Contudo, o desafio ainda continua sendo articular a equipe de altíssima competência de professores e técnicos da UFMS, a fim de consolidar os sonhos e compromissos assumidos no Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI). Gerir uma Universidade com 20 mil estudantes, distribuída em dez municípios do Estado e com mais de 4.000 servidores não é uma atividade simples. Mas não vamos arrefecer.

Em 2018, as ações na UFMS serão ainda mais amplas e inovadoras, mais estratégicas e eficientes. Autorizamos o investimento de R$ 24 milhões em novos editais, os quais se configuram importantes ferramentas para o fomento ao ensino, à pesquisa, à extensão, à inovação e ao empreendedorismo. Com o aumento do investimento na atividade fim, faremos da UFMS reconhecida por sua dinamicidade e qualidade na prestação de serviços educacionais, sociais e tecnológicos, nacional e internacionalmente.

Enfim, 2018 se apresenta como um ano particularmente desafiador. Mas, ao mesmo tempo, motivador para alavancar e melhorar a infraestrutura da UFMS, que, em 2019, será a sede do maior evento científico do Brasil – a 71ª Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Estamos vivendo um ano de preparativos, de ajustes, de organização. Sem desperdício de tempo ou de dinheiro. Um ano que nos guiará ao encontro de muitas conquistas. Dentre elas, a de uma UFMS com gente feliz e realizada, estudando, trabalhando e convivendo. Afinal, planejamos bater recordes.

Marcelo Turine é reitor da UFMS

Os três pilares do aprendizado
A educação brasileira passa por um profundo processo de transformação com a implantação da nova Base Nacional Comum Curricular. Precisamos estar pron...
O país onde tudo é obrigatório
Nos Estados Unidos, na França e na Inglaterra, as regras ou são obedecidas ou não existem, por que nessas sociedades a lei não é feita para explorar ...
Universidade pública e fundos de investimento
  A universidade pública não é gratuita, mas mantida pelos recursos dos cidadãos. E por que a Constituição brasileira escolheu determinar esse tipo d...
Uma nobre atitude de cidadania e espiritualidade
A solidariedade é intrínseca à condição humana, um dever moral que vai além da dimensão religiosa, pois todos somos gregários e frágeis. A bondade é ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions