ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

Campanha arrecada medicamentos para vítimas de enchentes

Além de remédios, campanha “CRF-MS abraça o RS" receberá doações de fraldas, curativos e repelentes

Por Mylena Fraiha | 10/05/2024 17:09
Kit de medicamentos e suprimentos médicos que serão aceitos pela campanha do CRF-MS (Foto: Divulgação)
Kit de medicamentos e suprimentos médicos que serão aceitos pela campanha do CRF-MS (Foto: Divulgação)

O CRF-MS (Conselho Regional de Farmácia de Mato Grosso do Sul) lançou nesta sexta-feira (10) a campanha “CRF-MS Abraça o Rio Grande do Sul”, que busca arrecadar medicamentos para as vítimas das enchentes no RS. Além dos medicamentos, a campanha irá arrecadar fraldas infantis e geriátricas, produtos de curativos, repelentes e absorventes.

A iniciativa é supervisionada integralmente por farmacêuticos profissionais, garantindo uma abordagem técnica em todo o processo de recebimento e distribuição das doações. "Nesta primeira etapa da campanha, vamos montar uma força-tarefa com os produtos selecionados a partir da lista divulgada pela rede pública do Sul, além de avaliar outras necessidades da população afetada pelas enchentes", explicou Clayton Godoy, coordenador de Fiscalização do CRF-MS.

As doações devem ser realizadas com produtos lacrados em suas embalagens originais e dentro do prazo de validade, seguindo as orientações do CRF-MS. Todo o processo de recebimento será conduzido por uma equipe técnica, que realizará uma criteriosa conferência e triagem farmacêutica.

Durante coletiva, equipe do CRF-MS dá orientações sobre como as doações devem ser realizadas. (Foto: Divulgação)
Durante coletiva, equipe do CRF-MS dá orientações sobre como as doações devem ser realizadas. (Foto: Divulgação)

Como doar - A primeira fase de recolhimento acontecerá na Casa do Profissional Farmacêutico, sede do CRF-MS em Campo Grande, localizada na Rua Rodolfo José Pinho, 66, Jardim São Bento, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. No sábado, dia 11 de maio, a sede do Conselho estará em regime de plantão das 8h às 12h.

Para os residentes no interior do Estado, a orientação é organizar as doações junto aos estabelecimentos farmacêuticos que aderirem à campanha. Os farmacêuticos interessados em aderir devem enviar os dados da empresa para relacionamento@crfms.org.br ou entrar em contato pelo telefone/WhatsApp (67) 99844-9371.

A presidente do CRF-MS, Daniely Proença, ressaltou que "os farmacêuticos do interior podem falar com a equipe de fiscais e solicitar apoio na logística, mediante a disponibilidade de rotas e outros fatores administrativos".

A campanha é aberta para doações de farmacêuticos, demais profissionais de saúde e empresas do setor farmacêutico, como farmácias, drogarias, clínicas, laboratórios e distribuidoras. Além disso, a população em geral, empresários e entidades de classe também podem contribuir adquirindo os produtos em estabelecimentos farmacêuticos.

Presidente do CRF-MS, Daniely Proença, mostra medicamento que pode ser doado às vítimas de enchentes em RS (Foto: Divulgação)
Presidente do CRF-MS, Daniely Proença, mostra medicamento que pode ser doado às vítimas de enchentes em RS (Foto: Divulgação)

O que doar - Na primeira etapa da campanha, serão arrecadadas as seguintes medicações: Dipirona (gotas e comprimidos), Paracetamol (gotas e comprimidos), Albendazol (solução e comprimidos), Mebendazol (comprimido e solução), Nitazoxanida (comprimidos), Ivermectina (comprimidos), Permetrina (xampu e loção), Repositor de Flora Intestinal (ex. Repoflor, Floratil, Enterogermina) e sais ou solução de reidratação oral em envelope.

Também serão arrecadados álcool iodado, ataduras, cremes e pomadas para feridas/micoses, esparadrapo, gaze estéril, absorventes, fraldas infantis e para adultos, protetor solar e repelentes. Todos os produtos doados serão catalogados e armazenados em um ambiente com controle de temperatura e outras condições ideais. A equipe técnica ressalta a importância de preservar a qualidade dos produtos que serão destinados às vítimas das enchentes.

Os medicamentos que não atenderem aos critérios de qualidade serão destinados ao descarte correto, seguindo uma prática já adotada pelo CRF-MS em suas agendas de “Descarte Correto de Medicamentos”.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias