A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

02/05/2019 17:29

Mulher de 41 anos pode ser a 17ª morte por dengue no Estado

Mulher morreu esta tarde, em Dourados; CCZ confirmou morte, mas secretaria aguarda exames para incluir na lista de óbitos

Silvia Frias e Helio de Freitas, em Dourados
Agente do CCZ durante mutirão contra a dengue em Dourados (Foto: Divulgação)Agente do CCZ durante mutirão contra a dengue em Dourados (Foto: Divulgação)

Uma mulher de 41 anos, residente em Dourados, pode ser a 17ª morte por dengue em Mato Grosso do Sul. Ela estava internada em hospital particular e amostras de sangue foram enviadas para confirmação ao Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública).

A morte foi confirmada pela coordenadora do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), Rosana Alexandre da Silva. Porém, segundo ela, é necessário seguir o protocolo para que o caso seja incluído no boletim das secretarias Municipal e Estadual de Saúde.

A secretária de Saúde de Dourados, Berenice de Oliveira Machado, disse que a morte por dengue não está confirmada, justamente por conta do protocolo e disse que ainda depende dessa análise em laboratório.

Sendo confirmado, sobe para quatro o número de mortes em Dourados. As outras três foram de menino de 11 anos, e duas mulheres, de 58 e 87 anos. Em Mato Grosso do Sul, a nova contagem seria de 17 óbitos.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions