A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018

15/06/2009 16:02

Ação pede a demolição de rancho e casa às margens de rio

Redação

Ação conjunta dos ministérios público Federal e Estadual pedem a demolição de dois imóveis construídos às margens do Rio Paraguai, no distrito de Albuquerque, em Corumbá, a 426 quilômetros de Campo Grande. Além da destruição, os promotores querem a recuperação da áreas degradadas e a cobrança de multa por danos morais não inferior a R$ 50 mil.

O primeiro alvo da ação é o Rancho Feliz, imóvel de 675 metros quadrados e que tem seis proprietários. O outro é uma residência de 143 metros quadrados. Eles teriam destruído mata nativa.

Segundo a assessoria do MPF, as construções ocorreram em área de preservação permanente.

Estados e municípios são os que mais contribuem para sustentar SUS
Entre 2002 e 2015, o governo federal foi a esfera de gestão que mais utilizou recursos do Sistema Único de Saúde (SUS), seguido pela esfera municipal...
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar até R$ 38 milhões no sábado
O prêmio da Mega-Sena acumulou mais uma vez, depois do sorteio desta noite (20) e pode pagar até R$ 38 milhões, na próxima rodada. As sequências sort...
Ações sobre auxílio-moradia voltam ao STF depois de conciliação falhar
Diante da falta de conciliação com representantes de magistrados, a AGU (Advocacia-Geral da União) devolveu ao STF (Supremo Tribunal Federal) process...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions