A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

07/11/2013 09:34

Black blocs de Campo Grande são desorganizados, minimiza secretário

Zana Zaidan
Secretário de Segurança afirma que PM está livre para usar força necessária para conter protestos violentos (Foto: Marcos Ermínio)Secretário de Segurança afirma que PM está livre para usar "força necessária" para conter protestos violentos (Foto: Marcos Ermínio)

O primeiro protesto local do grupo conhecido como Black Bloc foi desorganizado, na avaliação do secretário de Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Vantuir Jacini. Cerca de 20 jovens mascarados colocaram fogo em lixeiras e bonecos no Centro de Campo Grande, mas foram rapidamente contidos pelo Batalhão de Choque e o Tático da Polícia Militar.

“O pessoal daqui é diferente, porque não consegue se organizar como nos estados do Sudeste e, na verdade, não sabe nem pelo que está lutando”, acredita.

No entanto, o secretário admitiu que o movimento tinha motivação específica, já que foram queimados bonecos para representar políticos locais. “É um movimento político, mas usa essa teoria esquisita da destruição, que não funciona”, acrescenta o secretário.

Jacini elogiou, ainda, a ação da PM diante do protesto, e avisou que, assim como em outros Estados brasileiros, quem sair às ruas mascarado poderá ser punido. “Quem usa máscara é porque procura anonimato para praticar livremente atos ilícitos”, justiça Jacini.

Sobre a recomendação para a PM diante dos protestos violentos, o secretário foi taxativo. “A ordem aqui é para ser proativo, e usar a energia necessária e adequeada”. Questionado sobre a que tipo de “energia” o secretário se refere, Jacini limitou-se a repetir. “Que sejam proativos”.

Manifesto não deixa prejuízo e polícia libera todos os black blocs
Diferente de outras cidades, o manifesto black bloc em Campo Grande terminou sem prejuízos para a cidade, segundo informações da Polícia Militar. Apó...
Rodovias federais de MS tiveram 162 mortes e 390 feridos graves em 2017
As rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul registram 1.928 acidentes durante o ano passado, sendo que destes resultaram 390 vítimas feridas g...


Esses "gatos-pingados", genérico barato do eixo-Rio/São Paulo até seriam cômicos se não fossem patéticos.
 
João Vitor dos Santos em 07/11/2013 12:53:48
A PM/MS precisa continuar reprimindo esse tipo de ação, para que esses "bandidinhos" metidos a rebeldes não passem a acreditar que podem fazer aqui o que seus amiguinhos fazem em SP e RJ.
Parabéns à PM/MS: orientar sempre, reprimir quando necessário.
 
Paulo Karlos Nunes Jr. em 07/11/2013 10:57:42
Além de passar o scandisk então, tem que passar também o defrag! :P
 
João Tinho em 07/11/2013 10:52:37
SECRETARIO, NAO INSTIGUE A UNIAO DESTES CRIMINOSOS. NÃO OS INCENTIVE A SE UNIR E DEMONSTRAR REBELDIA. O SR SABE QUE A POLICIA DO MS E DE LUGAR NENHUM, ESTA PREPARADA PRA ATUAR COM SUCESSO CONTRA MARGINAIS. VAMOS SER HUMILDES SOBRE ASSUNTOS ASSIM.
 
LUCIANO MARQUES em 07/11/2013 10:43:50
Acho que o secretario não assiste TV,pois chamar aqueles vândalos de organizados,tenha dó né seu secretario..
 
vanderlei Turisco em 07/11/2013 10:02:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions