A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019

19/08/2019 13:26

“Ela estava apavorada”, diz moradora que socorreu idosa esfaqueada

A vítima foi ferida durante em uma tentativa assalto em uma ponte usada como atalho

Fernanda Palheta e Maressa Mendonça
Segundo moradora que não quis se identificar, a idosa estava sangrando muito e apavorada (Foto: Maressa Mendonça)Segundo moradora que não quis se identificar, a idosa estava sangrando muito e apavorada (Foto: Maressa Mendonça)

A idosa, de 75 anos, que foi esfaqueada durante uma tentativa de assalto no Jardim Carioca, em Campo Grande, na manhã desta segunda-feira (19), estava apavorada quando recebeu os primeiros socorros de uma moradora, de 70 anos, que não quis se identificar. A vizinha testemunhou a movimentação.

“Fui pegar uma verdura na geladeira e vi a idosa indo atravessar a ponte, fiquei preocupada por ser um local perigoso. Fiquei olhando da janela e vi o rapaz se aproximando. Ainda tentei chamar os rapazes que trabalham aqui em casa, mas eles não escutaram”, conta a moradora.

Segundo ela, pouco depois a idosa chegou na casa pedindo ajuda. “Ela estava sangrando muito e apavorada. Nós ajudamos a estancar o sangue e chamamos a polícia e o Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência]”, completou.

A moradora ainda contou que um grupo de homens fizeram buscas na região para encontrar o rapaz que tentou assaltar a idosa, mas não localizaram.

O crime ocorreu no final da Avenida Sete. A tubulação protegida por uma estrutura metálica é usada pelos moradores da região como atalho que dá acesso ao bairro Santa Mônica e Nova Campo Grande.

A idosa foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada para a Santa Casa. Ela está internada na área vermelha do pronto-socorro, consciente e orientada. De acordo com a Santa Casa, a facada causou um corte de cerca de 2 centímetros.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions