A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/08/2014 09:39

Antes de atirar na ex e pai, homem ameaçou matar cinco pessoas

Aliny Mary Dias e Francisco Júnior
Claudemir com as filhas, de 5 e 10 anos, em momento de alegria antes da tragédia (Foto: Arquivo Pessoal)Claudemir com as filhas, de 5 e 10 anos, em momento de alegria antes da tragédia (Foto: Arquivo Pessoal)

Testemunhas da tragédia que se instalou na vida da família de Ana Cláudia Duarte Souza, 27 anos, e Luiz Antonio de Souza, 59 anos, mortos na noite de ontem (8) pelo ex-marido de Ana, os parentes que presenciaram todo o crime são enfáticos ao lembrar que Claudemir Celestino de Oliveira, 36 anos, invadiu a casa da família disposto a matar os cinco que estavam no local, situado no bairro Estrela do Sul.

Além de Ana Cláudia e o pai, estavam na casa a mãe dela, uma irmã e uma tia. Ainda abalada por presenciar a morte da sobrinha e do cunhado, Geni Duarte Higa, 62 anos, lembra dos momentos que antecederam a tragédia.

Geni explica que quando foi na casa da irmã, a mãe de Ana Cláudia, estranhou ver em frente da residência um Fiat Uno branco. No carro estava Claudemir, que foi até a casa buscar as filhas de 10 e 5 anos que iriam passar o fim de semana com ele. Claudemir e Ana foram casados por 10 anos e há 1 ano e meio estava separados.

Depois que Claudemir foi embora, toda a família tomava mate embaixo de uma árvore, como sempre faziam às sextas-feiras. Mas o momento de lazer da família se transformou no maior trauma deles alguns minutos depois.

“O portão estava trancado e ele pulou. Ele já entrou com as duas armas nas mãos apontando pra gente. Ele disse pra gente não dar nenhum 'pio' se não mataria”, conta Geni.

Casa onde tudo aconteceu, no bairro Estrela do Sul (Foto: Marcelo Victor)Casa onde tudo aconteceu, no bairro Estrela do Sul (Foto: Marcelo Victor)

Diante da situação, Luiz, o pai de Ana Cláudia, assim como todos os outros parentes, tentou acalmar Claudemir. “O Luiz segurou uma das armas e disse pra ele 'Deixa disso, abaixa essa arma, pensa nas suas filhas, vamos conversar'”, explica a tia de Ana.

Mas o ex-marido não teve piedade. Atirou três vezes contra o ex-sogro e depois mais quatro vezes contra Ana Cláudia, a mãe de suas filhas. O homem só não atirou contra o restante da família porque o celular de Geni tocou e ele pensou ser a polícia. “Meu Deus, eu nunca vi uma coisa dessa, foi chocante. Uma coisa horrível”, desabafa.

Após descarregar as armas e o ódio, Claudemir fugiu no Fiat Uno que estava parado em frente da casa. Uma pessoa conduzia o carro e o Claudemir estava no banco do passageiro.

Um dos irmãos de Ana Cláudia, que pediu para não ser identificado, explica que Claudemir sempre foi agressivo. Ele era muito ligado aos bens materiais, na última quarta-feira (6), inclusive, uma audiência na Justiça tratou sobre a divisão dos bens do casal e Claudemir não teria ficado satisfeito.

Até agora Claudemir, que trabalha em uma oficina mecânica, não foi encontrado. Ele segue foragido e está sendo procurado pela polícia.

Geni, tia de Ana Cláudia, presenciou toda a tragédia e diz que família está em estado de choque (Foto: Marcelo Victor)Geni, tia de Ana Cláudia, presenciou toda a tragédia e diz que família está em estado de choque (Foto: Marcelo Victor)
Homem matou ex-mulher e ex-sogro ao buscar as duas filhas do casal
Ainda está foragido o homem de 36 anos que matou a ex-mulher Ana Cláudia Duarte de Souza, 27 anos, e o ex-sogro Luiz Antonio de Souza, 59 anos. O cri...
Pai e filha são assassinados a tiros no bairro Estrela do Sul
Um duplo homicídio aconteceu, por volta das 20h30 desta sexta-feira, na Rua Cavaleiro de Souza, no bairro Estrela do Sul, em Campo Grande. Conforme i...
Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions