A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

28/02/2018 09:42

Após 1 mês de confusão na rodoviária, Guarda recolhe armas não letais

São 55 armas de condutividade elétrica em Campo Grande, conforme assessoria da corporação

Mayara Bueno
Na imagem, guarda tenta conter homem de 35 anos.
(Foto: Reprodução vídeo).Na imagem, guarda tenta conter homem de 35 anos. (Foto: Reprodução vídeo).

A secretaria de Segurança Pública de Campo Grande vai recolher 55 armas de choque da Guarda Municipal para manutenção. A resolução prevendo a medida está no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta quarta-feira (dia 28).

De acordo com a assessoria de comunicação da Guarda Municipal, dois fatos levaram a secretaria a adotar o procedimento: a confusão entre um homem e guardas municipais em 26 de janeiro passado no Terminal Rodoviário de Campo Grande. Na ocasião, os profissionais tiveram de usar uma arma de choque, que não funcionou.

Outro motivo é que o armamento de condução elétrica não passa por revisão há três anos, quando deveria passar pela medida todo o ano.

"Os equipamentos de condutividade elétrica serão recolhidos e mantidos sob a guarda e cautela do setor responsável pelo armamento, que elaborará relatório ao Coordenador de Operações identificando o equipamento recolhido e especificando o seu defeito que apresentar mau funcionamento e/ou que esteja sem as devidas condições de uso".

Será feita uma triagem para saber quais unidades precisam de revisão imediata, de forma que não sejam recolhidas todas de uma vez. Contudo, entre 30 e 60 dias, todas passarão pela revisão. A princípio, só haverão custos caso seja necessário trocar alguma peça.

Ainda de acordo com a secretaria, a gestão passada não fez a revisão e nem deixou previsto no orçamento de 2017.

Caso - Imagens mostraram cinco guardas municipais tentando imobilizar um homem de 35 anos. A corporação afirmou, na ocasião, que ele se mostrou agressivo e que estava embriagado, depois de ter sido orientado a retirar o seu carro estacionado em local proibido.

A arma de choque utilizada não imobilizou o rapaz, o que deveria ter acontecido. Diante disso, um dos guardas disparou bala de borracha.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions