A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/02/2014 10:21

Buracos surgem após recapeamento e moradores se revoltam na Hiroshima

Filipe Prado
O bueiro levantado é uma das reclamações dos moradores (Foto: Marcos Ermínio)O bueiro levantado é uma das reclamações dos moradores (Foto: Marcos Ermínio)

Com grande fluxo de veículos, os moradores da Avenida Hiroshima, no bairro Carandá Bosque, estão preocupados com a abertura de dois buracos que foram recentemente recapeados. Eles relataram que muitos veículos passam com grande velocidade pela via, deixando o lugar bem perigoso.

Northon Capelari, 32 anos, é proprietário de uma confecção de uniformes, que fica próxima ao bueiro. “Este sempre foi um problema aqui”, comentou. Ele contou que não há escoamento suficiente na avenida, então a grande quantidade de água que passa por ali, prejudica a estrutura e abre o bueiro.

Há também um buraco na avenida, que foi recapeado recentemente, mas o buraco já abriu novamente, causando transtorno para os moradores da região.

Um morador, que não quis se identificar, 25, contou que isso ocorre por conta do “trabalho mal feito da prefeitura”, pois colocam piche e um pouco de terra e não resolvem o problema. Ele também afirma que em 2013, o bueiro abriu e um buraco formou-se em volta, cerca de três vezes.

Os motoristas acham o local perigoso e até dão sugestão para conter o buraco. “Eu acho que deveriam recapear o local. O bueiro deveria ser colocado abaixo do asfalto, pois eu acho que as rodas dos automóveis, que passam ali, que o abrem”, sugestionou Antônio Marcos Rodrigues de Carvalho, 41.

No local onde fica o bueiro, há uma depressão, onde os carros precisam desacelerar para não quebrarem. “É perigoso, pois o peito de aço do carro pode atingir o asfalto e quebrar. Mas a parte boa é que os motoristas têm que frear antes de passar pelo local”, relatou Northon.

Quem passa pela avenida tem medo de que se prejudique. “Aqui é super perigoso, principalmente a noite e para os motoqueiros que passam por aqui”, comentou Antônio.

 

Um buraco também virou alvo da reclamação dos moradores (Foto: Marcos Ermínio)Um buraco também virou alvo da reclamação dos moradores (Foto: Marcos Ermínio)
É a 4ª vez que o bueiro abriu (Foto: Marcos Ermínio)É a 4ª vez que o bueiro abriu (Foto: Marcos Ermínio)
Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


Não moro por perto, mas o problema é a qualidade dos trabalhos feitos. Aqui no meu bairro (Santo Antônio) é a mesma coisa. Arrumam o local, vem uma chuva e aí começa a estragar novamente.
 
ORLANDO SANTOS em 02/02/2014 05:46:12
Realmente os buracos da Av. Hiroshima são uma vergonha. Vou dar um exemplo: Av Hiroshima e Rua Wagner Jorge Bortotto Garcia, os buracos ou panelões que lá existem são tapados a cada reclamação e continua a mesma coisa, poça d'água+buraco+serviço mal feito= porcaria, ou seja nunca a esquina está tratada com respeito. E o IPTU caro que pagamos para aonde vai essa arrecadação, tudo isso já fazem 14 anos!
 
Genéviève Ferro em 01/02/2014 21:29:52
Onde esta este bueiro da foto tem um desnível muito grande, para quem passa por este trecho todo dia e conhece desvia, mas quem não conhece ou se houver outro veículo na pista do lado que não permite agente desviar, agente quase se arrebenta, o pior de tudo é que no inicio não era assim, foi após uma obra que deixaram assim.
 
Jonas Frizzo em 01/02/2014 17:18:12
BURACO NA HIROSHIMA TEM MUITO, MAS O POVO DE CAMPO GRANDE QUE É UM OVO, SE COMPARADO A GRANDES CIDADES. É DE UMA IMBECILIDADE A TODA PROVA. ESSES DIAS DESCENDO A HIROSHIMA, SENTIDO MATOGROSSO, UMA SENHORA VELHA, CERCA DE 50 ANOS VINHA LOUCA ATRÁZ E EU A 60km QUE É A VELOCIDADE DA VIA, DERREPENTE PASSA POR MIM E DIZ EU SOU JUIZA? E DAÍ GRANDE COISA. PELO QUE ELE VINHA FALANDO, DA PRA VER QUE CAMPO GRANDE, INFELISMENTE, MESMO SENDO UMA CIDADE COM VÁRIAS FACULDADES, CONTINUAMOS ANALFABETOS FUNCIONAIS. ENTÃO A HIROSHIMA NÂO É QUESTÃO BURACO, NO ASFALTO, É BURACO BA CABEÇA DO POVO DE CAMPO GRANDE, INCLUSIVE ESSAR VELHA QUE SE DIZ JUIZA.
 
lourenço carvalho em 01/02/2014 12:28:02
Com os Valores arrecadados de IPTU do bairro é uma vergonha as ruas, da para contar as ruas com asfalto novo a frota dos moradores também é de alto valor o IPVA que fica 50% para o município.
 
Alexandre Lindolfo em 01/02/2014 10:31:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions