A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

17/01/2014 08:25

Câmara adia audiência para discutir regulamentação de táxi e mototáxi

Aline dos Santos

A Câmara Municipal adiou a audiência pública para discutir a regulamentação de táxis e mototáxis. Marcada para hoje, às 19h, a reunião deve ficar para fevereiro, mês em que os vereadores voltam ao trabalho.

De acordo com Edson Shimabukuro (PTB), integrante da Comissão Permanente de Transporte e Trânsito, o pedido de adiamento partiu dos trabalhadores, pois há muitas pessoas de férias. “Assim que a Câmara retomar, vamos marcar a nova data”, afirma. O Legislativo municipal retoma os trabalhos em 3 de fevereiro.

A lei federal prevê um apenas um CPF (Cadastro de Pessoa Física) por táxi, mas, em Campo Grande, a denúncia é de cartel.

Conforme dados da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação, atualmente, 484 veículos tem permissão para explorar o serviço na Capital. Do total, 112, ou seja, 23,1% estão nas mãos dos chamados “tubarões”. Apenas a família de Moacir Joaquim de Matos comanda 10,5% da frota de táxi da cidade.

A maioria dos alvarás não tem prazo para término da permissão para explorar o serviço, que é uma concessão pública. Para quem foi contemplado na licitação para 50 alvarás, concluída em 2012, o prazo é de 15 anos.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions