A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

07/06/2018 09:08

Cliente chama a Polícia e acusa donas de loja popular de agressão na Calógeras

Graziella Almeida e Thaís Pimenta
Daiane relata indignada o desaforo passado no comércio na tarde de hoje (06).  (Foto: Thaís Pimenta)Daiane relata indignada o desaforo passado no comércio na tarde de hoje (06). (Foto: Thaís Pimenta)

Na tarde de ontem (6), proprietárias da loja Cooperativa da Moda foram novamente alvo de denúncia, acusadas de negar nota fiscal e agredir uma cliente. Segundo a consumidora, ela também foi alvo de humilhações e xingamentos.

Daiane Aparecida de Lima diz ser consumidora frequente da loja e ontem esteve no local para comprar um short. Solicitou a nota fiscal para as proprietárias, caso a peça de roupa precisasse ser trocada. Para a surpresa da cliente, o pedido teve como resposta xingamentos e humilhações por parte das donas, garante ela. 

Segundo Daiane, os seguranças da loja a prenderam pelos braços para que as irmãs a agredissem com tapas. Ela relata que após a tentativa, as proprietárias mandaram que todos os clientes saíssem da loja e continuaram gritando e xingando pelos cantos.

“Elas me xingaram de diversos nomes, até tentaram me pagar o valor de R$ 30,00 para que eu não denunciasse essa humilhação que me fizeram passar. Eu só exijo meus direitos e por isso acionei a policia”, desabafa a cliente.

Testemunhas confirmam que as donas da loja, depois de dispersarem os clientes, recolheram os funcionários para dentro do estabelecimento e pediram que todos fossem embora, fechando a loja e saindo sem prestar esclarecimentos à Policia Militar que chegou em seguida.

A redação tentou contato com as proprietárias da loja e até o fechamento do texto não obtivemos retorno.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions