A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019

01/09/2019 09:02

Com preço de aplicativo, empresa começa a operar no aeroporto

Começou neste domingo (1) o novo modelo de transporte individual de passageiros no Aeroporto Internacional

Leonardo Rocha e Maressa Mendonça
Novo serviço de transporte de passageiros no Aeroporto (Foto: Paulo Francis)Novo serviço de transporte de passageiros no Aeroporto (Foto: Paulo Francis)

Começo a funcionar hoje (1) o novo serviço de transporte de passageiros no Aeroporto Internacional de Campo Grande, sob o comando da empresa Rodar Serviço de Táxi, que venceu a licitação. Os usuários disseram que no primeiro momento aprovaram o atendimento e o preço cobrado, que segundo eles, é menor do que anterior, parecido com os do aplicativos de transporte.

O novo modelo a empresa é quem organiza este sistema de transporte, tendo à disposição 120 motoristas, que possuem seus carros particulares, e podem até trabalhar para outros aplicativos de carona. Durante esta manhã, 30 (motorista) estavam disponíveis no Aeroporto para fazer o transporte dos passageiros.

Neste sistema, o passageiro segue até os guichês de atendimento da empresa, apresenta documentação pessoal, informa o seu destino, que por meio de um “voucher” define o motorista e o preço da corrida, que é pago já neste momento. Por enquanto o usuário não pode mudar o caminho ao longo do percurso.

Os carros não são adesivados (empresa) e se houver muita demanda, a empresa vai chamando outros cadastrados para ir até o local para atendimento. “A sociedade exigia isto, um preço mais honesto aos usuários”, disse o sócio-proprietário da Rodar, Flávio Moraes.

Já os taxistas ficaram com apenas uma vaga dentro do Aeroporto, sendo que os outros veículos estão do lado de fora, ao redor do local e na praça em volta. Eles inclusive estão planejando manifestação para protestar desta mudança de sistema.

Passageiro Michel Sillens Barbosa aprovou a corrida mais barata (Foto: Paulo Francis)Passageiro Michel Sillens Barbosa aprovou a corrida mais barata (Foto: Paulo Francis)

Passageiros – Neste primeiro dia de atividade, os primeiros passageiros a usar o novo modelo elogiaram o atendimento e os preços, que segundo eles, estão mais baratos para as corridas.

“Fui muito bem atendido e estou pagando menos, antes a corrida que até a minha casa era R$ 28,00 e agora está R$ 23,00”, disse o professor de educação física, Michel Sillens Barbosa. Ele mora no Bairro Maria Aparecida Pedrossian.

A empresa Rodar Serviço de Táxi venceu a licitação realizada pela Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) e vai pagar R$ 418,5 mil para explorar o transporte por cinco anos. Um grupo de taxistas fez carreata ontem (31) a tarde e também foi à Justiça na tentativa de reverter a situação.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions