A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/06/2014 09:27

Com setor em crise, HU abre credenciamento para anestesiologista

Aline dos Santos

O HU (Hospital Universitário) de Campo Grande abriu credenciamento para médico anestesiologista até 7 de julho. O setor enfrenta crise na unidade, com direito à ação judicial, licitação e redução de cirurgias eletivas.

Conforme o edital publicado na edição de ontem do Diário Oficial da União, o credenciamento atende diretrizes do SUS (Sistema Único de Saúde) e decisão proferida em ação civil pública. Os credenciados serão remunerados no valor bruto de R$ 67 por hora prestada de serviço. A escala será definida pela Gerência de Atenção à Saúde, limitada a 80 horas semanais.

No mês passado, fracassou a licitação para contratar uma empresa na área de anestesiologia. O contrato previa 12 profissionais e o valor estimado era de R$ 32,5 mil por mês.

O HU briga na Justiça com a Servan, que concentra 97% dos profissionais. Em audiência na última terça-feira, realizada na 4ª Vara da Justiça Federal de Campo Grande, a empresa recuou de cobrar com base nos preços da tabela CBHPM (Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos).

A proposta é que os profissionais da Servan passem a receber o mesmo valor que oferecido no concurso aberto pelo HU no último dia 17 que, entre outros médicos, vai contratar 19 anestesiologistas. A remuneração nesta área é de R$ 6.495 para uma jornada de 24 horas semanais.

Caso os representantes do HU não acatem a oferta, a Servan pedirá à Justiça que a suspensão do serviço. O MPF (Ministério Público Federal), por outro lado, pede que seja aplicada multa diária de R$ 50 mil caso os serviços parem.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions