A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

14/07/2012 11:32

Cortejo com 200 veículos marca enterro de taxista morto em Campo Grande

Francisco Júnior e Paula Maciulevicius
Taxistas lotaram as ruas do centro. (Foto: Minamar Júnior)Taxistas lotaram as ruas do centro. (Foto: Minamar Júnior)

Como forma de protesto e prestar homenagem a colega morto, cerca de 200 taxistas lotaram as ruas da região central de Campo Grande durante cortejo fúnebre que conduziu o corpo de Manoel Kusman Bondarenco, 37 anos, assassinado na madrugada de ontem, do local do velório, na Vila Bandeirantes, até o cemitério Memorial Park, na avenida Senador Filinto Müller.

No trajeto, os taxistas buzinavam chamando a atenção das pessoas por onde passavam. Policiais da Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito) seguiram na frente do cortejo organizando o trânsito.

O velório foi marcado pela indignação de familiares e colegas de profissão do taxista. Cleovaldo Gonçalves de Oliveira, 41 anos, trabalha no mesmo ponto da vítima, na rodoviária. Ele está inconformado com tudo que aconteceu. “É triste e revoltante. Se fosse um acidente, era outra coisa”, disse.

“É muito triste participar de mais um cortejo”, lamenta o presidente da Assotaxi (Associação dos Taxistas Auxiliares de Campo Grande), José Carlos Aquino, fazendo menção ao assassinato do também taxista Daniel Manoel Dudu, de 50 anos, ocorrido no dia 26 de agosto do ano passado.

Corpo foi sepultado às 10 horas. (Minamar Júnior)Corpo foi sepultado às 10 horas. (Minamar Júnior)

Taxista há quatro anos, Donizete Bernadino, 34 anos, disse que já foi assaltado duas vezes e que por conta desses acontecimentos muitos colegas abandonaram a profissão. Ele também pensa em deixar de ser taxista.

O corpo de Manoel foi sepultado às 10 horas ao som de uma salva de palmas como última homenagem dos colegas e familiares.

Prisão – Os assassinos confessos do taxista, Adailton da Mata Souza, 21 anos, conhecido como “Pequeno” e Evandro Silva dos Santos, 23 anos, estão presos na Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos).

Os dois contrataram a corrida na avenida Guaicurus já com a intenção de matar o Manoel. Eles levaram a vítima até uma estrada vicinal na região da BR-060 e mataram o taxista com 23 facadas.

Os dois foram capturados cerca de 40 minutos após cometerem o crime.



PENA DE MORTE só isso que irá resolver essas mortes fúteis
 
Aline Portilho em 16/07/2012 08:52:46
Meu caro Adenilson lopes quem e responsavel por isso nao e a associacao dos taxista e o sindicato a associacao nao tem o mesmo poder do sindicato, entao procure se enformar melhor antes de criticar,porque eu tambem sou da associacao e nos fazemos o que podemos para ajudar a classe, mais ainda somos pequenos perante a forca do sindicato.
 
kleber soriano de oliveira em 15/07/2012 11:24:50
Na verdade o auxiliar de taxista não tem vantagem nenhuma em dirigir um táxi, só ganha dinheiro mesmo o dono do ponto do táxi e da frota de táxis. Por ex: O rapaz que morreu assassinado possui um seguro de vida pago pelo dono do táxi? Os filhos dele receberão idenização ou mesmo um salário até completarem 18 anos? Ai eu pergunto, cadê a associação dos taxistas que não ve isso?
 
Adenilson Lopes em 14/07/2012 12:25:37
É REVOLTANTE!!! A LEI DESSE PAÍS DEVE SER MUDADA PENA DE MORTE PARA ESSES VAGABUNDOS QUE TIRAM A VIDA DE PESSOAS INOCENTES,PAI DE FAMILIA! ACORDA POLITICOS DO NOSSO ESTADO PENA DE MORTE!!!
 
Diogo Pereira em 14/07/2012 11:54:36
LEGISLADORES: PENA DE MORTE, APROVEM-NA!!!
 
CARLOS RENATO LOPES em 14/07/2012 06:52:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions