A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

13/07/2012 18:01

Na Polícia, assassinos de taxista dizem que estão arrependidos

Luciana Brazil e Francisco Júnior
Depois de estrangularem e matarem à facadas o taxista Manoel, envolvidos se dizem arrependidos. (Fotos:Simão Nogueira)Depois de estrangularem e matarem à facadas o taxista Manoel, envolvidos se dizem arrependidos. (Fotos:Simão Nogueira)

Os dois envolvidos no assassinato do taxista Manoel Kusman Bondarenco, morto na madrugada de hoje, disseram que estão arrependidos pelo crime que cometeram. Evandro Silva dos Santos, o “Zoinho”, arriscou algumas palavras de contrição. “Eu fico comovido e peço perdão para os familiares deles. Eu também sou pai”, disse

O delegado João Reis Belo, da Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos), que investiga o caso, afirmou que a dupla premeditou o crime desde o início. Na tarde de hoje, o delegado apresentou a faca e o cadarço utilizados pelos criminosos.

A faca, segundo Reis Belo, era usada para cortes de açougue e o cadarço, usado para asfixiar a vítima, era da roupa de Adailton da Mata Souza, o “Pequeno”. Os suspeitos combinaram o crime em um bar na região do bairro Roselândia e definiram que a vítima deveria ser um taxista.

De acordo com o depoimento dos bandidos, eles pediram o táxi, em um orelhão, próximo a avenida Guaicurus. Os dois guiaram a vítima por alguns locais, como o bairro Dom Antônio Barbosa, até chegar à saída para Sidrolândia.

Em uma estrada vicinal, Evandro pediu que o taxista parasse, dizendo que iria urinar. Segundo o delegado esse era o sinal de que o comparsa deveria anunciar o assalto. Nesse instante, Adaílton pegou o cadarço, passou no pescoço do taxista e começou a apertar.

Marcas profundas ficaram no pescoço de Manoel Kusman. Evandro explicou que, enquanto era enforcado, a vítima fez um movimento com o tronco e eles pensaram que Manoel fosse pegar uma arma. Evandro pegou a faca e deu várias facadas no taxista.

Mesmo ferido, Manoel conseguiu sair do carro e caiu no chão. Adaílton também saiu do táxi e deu golpes de faca na região da nuca da vítima. De acordo com o laudo do IMOL (Instituto Médico Odontológico Legal), só na nuca havia oito ferimentos de faca.

Depois do crime, os bandidos fugiram com o carro da vítima e dividiram R$ 200 que estavam no bolso de Manoel. Adaílton ficou ainda com o celular da vítima. “Pequeno” foi dirigindo o veículo e deixou Evandro em uma casa de prostituição no bairro Pioneiro.

Prisão: O veículo foi localizado pela polícia na avenida Guaicurus. Ao ser abordado, Adailton tentou enganar os policiais do 10º BPM (Batalhão da Polícia Militar), dizendo que era taxista e estava trabalhando.

Entretanto, quando os policiais abriram a porta do carro, viram os vestígios de sangue. Adailton acabou confessando o crime e disse que teve a ajuda de mais três pessoas, fato que já foi desmentido. Evandro foi localizado na casa de prostituição.

Os dois foram presos em flagrante e continuam detidos na Defurv. Eles serão indiciados por homicídio doloso.



NAO PODE SOLTAR ESSES VAGAL MAIS, TEM QUE DEIXAR PREÇOS PARA SEMPRE. ......QUE DEUS CONFORTE OS FAMILIARES..
 
jose wilson GARCIA em 14/07/2012 11:24:22
no brasil temos que adotar um sistema de prisao perpetua,porque esses tipo de elementos nao tem cura. E colocar esses presos para trabalhar numa prisao agricola plantar para comer,e muito facil ficar dormindo e agente sustentar esses delinquentes.
 
celso pereira em 14/07/2012 11:23:47
Pergunto a vocês, "quem fez a leis para punir estes tipos de crime ?" É isto aí, nossos "ilibados" legisladores...e eles continuam fazendo mais...mais indultos, mais regalias etc etc etc.... Com a desculpa de "vítimas da sociedade" tornou-se um sacrilégio falar em pena de morte e prisão perpétua no Brasil. Acredito que um "referendum" para a população seria melhor escolha para por fim discussão.
 
Angelo Fantin em 14/07/2012 11:09:35
Olha enfelismente nossas léi brasileira é muito falha a policia prende e logo a justiça solta uns camarada deste tipo derveria ser condenado no Estado Unido para ter suas condenações merecidas e deixo aqui minhas lamentações para familia que Deus trasborde o corações de vcs de paz e amor e felicidade...
 
marcidi torquato de arruda em 14/07/2012 09:56:44
não sei o que esta acontecendo, estamos perdidos com essa bandidagem... cadê a pena de morte??? tem que ter, senão é isso...
 
fabio maldonado em 14/07/2012 09:53:32
IMAGINA ARREPENDIDOS SÓ AGORA NA FRENTE DA POLICIA, ESSES MARGINAIS SE FOREM SOLTOS VÃO CONTINUAR MATANDO PORQUE NÃO TEM DEUS NO CORAÇÃO E NEM VONTADE DE TRABALHAR. VAGABUNDOS, NUM CASO DESSES DEVERIA TER AQUELES TRABALHOS FORÇADOS IGUAL EM FILME AMERICANO PARA SABEREM UM DIA NA VIDA O QUE É TRABALHO.
E AINDA QUEM VAI SUSTENTAR ELES SOMOS NOIS QUE PAGAMOS MUIIIIIITTOOOOSSS IMPOSTOS.
 
celia regina neitzke lezo em 14/07/2012 08:55:59
Que Deus dê conforto a familia enlutada, a culpa disso tudo não é da justiça, mas quem aprova as leis no Congresso Nacional, onde juristas reformulam as leis e enviam para os politicos votarem. Agora estão reformulando o Código de Processo Penal e "juristas humanistas" estão abrandando a pena de criminosos, abram os olhos, o pacote vai passar por votação.
 
Claudio Gonçalves em 14/07/2012 01:15:43
Vou pedir três coisas: Que Deus conforte o coração dos familiares do taxista, Que Deus tenha piedade da alma desses vagabundos e que Deus receba a pobre gramática de braços aberto, porque jaz aqui.
 
Paula Lutero em 14/07/2012 01:11:00
Só estão arrependidos por que foram presos. Casos como esse, de tanta crueldade e covardia fazem a gente repensar sobre a pena de morte, e que se dane "Direitos Humanos' pra marginais como esses.
 
Marcos Figueiredo em 13/07/2012 09:46:20
Os taxistas deveriam trabalhar com detectores de metais em bastões, assim como os seguranças de boates. E mais, ao serem acionados para atender um chamado, deveriam ter um acordo para que a polícia ouça o rádio da central e copie o destino da corrida, acredito que isso seria mais seguro.
 
Luciano Silgueiros em 13/07/2012 09:23:24
CADEIA !!!! CADEIA!!!!! MERESIAO COISA PIOR, MAS È O MINIMO QUE ESPERAMOS DA JUSTICA. NÃO CONSIGO NEM COMENTAR TAMANHA BRUTALIDADE, QUE DEUS CONFORTE SUA ESPOSA E FILHOS E TODA FAMILIA ,INFELIZMENTE NEM TUDO ACONTECE COMO IMAGINAMOS, MAS DEUS SABE O QUE FAZ.
 
LUCILENE DUDU em 13/07/2012 09:00:04
Arrependidos? aham! quase todos os bandidos dissem isso, mas infelizmente seus arrependimentos não trarão o Sr. Manoel de volta. Ele foi morto de forma brutal, deixando família e amigos, e o pior de tudo, sem motivo algum. O mínimo que esses mostros merecem é cadeia. E é bem provável que continuem matando até dentro da cadeia. INFAMES!!!
 
Fabiana Rocha em 13/07/2012 06:55:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions