A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/03/2014 15:40

De 134 médicos convocados, só 57 aparecem e postos lotam na Capital

Edivaldo Bitencourt e Filipe Prado
UPA do Coronel Antonino ficou lotada nesta tarde: cena reflete carência de médico pediatra (Foto: Simão Nogueira)UPA do Coronel Antonino ficou lotada nesta tarde: cena reflete carência de médico pediatra (Foto: Simão Nogueira)

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) não conseguiu preencher 57% das 134 vagas abertas na rede pública de saúde. A maior parte dos médicos convocados para assumir não compareceu e os postos continuam lotados em decorrência da falta de profissionais.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Jamal Salem, dos 134 aprovados em processo seletivo e convocados nesta semana, só 57 compareceram e assumiram o plantão nos postos de saúde e unidades regionais 24 horas.

Com a falta de profissionais para preencher, a população foi obrigada a esperar por horas pelo atendimento nas unidades de saúde. A UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Coronel Antonino estava lotada com pais e crianças aguardando a consulta com pediatras.

“Não podemos falhar na área médica”, ressaltou o secretário. Ele justificou a falta de 77 dos 134 convocados a demora na nomeação. Como o processo seletivo ocorreu há oito meses, muitos médicos perderam a esperança de trabalhar no município, viajaram ou buscaram outra ocupação.

Jamal Salem afirmou que a prefeitura vai realizar concurso público para preencher os cargos vagos. A meda de Gilmar Olarte (PP) é contratar mais cinco médicos clínicos gerais e cinco pediatras para cada uma das unidades 24 horas.

Sesau vai convocar 134 aprovados em concurso para diminuir déficit de médicos
A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) vai convocar 134 médicos que passaram por processo seletivo para atuação imediata em hospitais e unidades de ...
Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...


Tem que facilitar o trabalho para os médicos estrangeiros. Essa "estória" de que eles não são bons não cola mais e ademais, desse corporativismo exagerado, só a população colhe os frutos: O sofrimento nos postos e hospitais brasileiros.
 
OLDAIR MOREIRA GONZALES em 27/03/2014 17:29:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions