A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

31/08/2015 19:44

Demissão em massa de comissionados preocupa Eduardo Romero

Thiago de Souza
Vereador disse que falta de funcionários pode provocar Vereador disse que falta de funcionários pode provocar

O vereador Eduardo Romero (PT do B) encaminhou ofício ao gabinete do prefeito Alcides Bernal (PP), nesta segunda-feira (31) na qual questiona demissões em massa de funcionários comissionados do IMTI (Instituto Municipal de Tecnologia da Informação). De acordo com o vereador, são servidores de carreira com até 20 anos de serviços prestados na lista de demissões, conforme diário oficial do dia 27 de agosto. A falta desses funcionários capacitados pode provocar um "apagão tecnológico", estima o vereador. 

O vereador classifica o órgão como “cérebro” formado por técnicos responsáveis pelos sistemas tributário, financeiro, saúde e educação. Segundo o legislador, é de lá que são controladas todas as ações tecnológicas da Prefeitura, o que justifica a preocupação em um setor que não pode admitir falhas. Ele destaca também que há duas décadas o Executivo não faz concurso para o IMTI, por isso a existência dos comissionados.

Os funcionários comissionados do IMTI passam por provas seletivas e treinamento, que os capacita a trabalhar frente a evolução tecnológica da máquina pública, como a matrícula online. “Sou a favor de uma avaliação sobre o quadro de funcionários comissionados e acredito que a máquina pública estava sobrecarregada deles, o que também compromete as contas da prefeitura. Mas temos que observar critérios para isto. Existem comissionados necessários para não travar a prefeitura’, explica Eduardo Romero.

No ofício encaminhado ao prefeito, Eduardo Romero também questiona como está sendo suprimida a ausência dos funcionários comissionados demitidos do Instituto, se haverá concurso público e ainda se o prefeito avalia a possibilidade de recontratar os técnicos do IMTI.

Prefeitura tem prazo de cinco anos para acessibilidade em todas as escolas
A prefeitura de Campo Grande tem prazo máximo de cinco anos para tornar acessíveis todas as escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino). A obrigação f...
Mulher é atropelada pelo ex-marido e está em estado grave na Santa Casa
Uma mulher de 33 anos foi atropelada pelo ex-marido e está internada em estado grave na Santa Casa de Campo Grande, sedada e entubada na CTI (Centro ...


Por que será ele está preocupado com isso? várias pessoas morreram nos postos de saúdo por não terem os seus direitos garantidos, a educação está um caos, a prefeitura toda uma anarquia, eles, os vereadores deveriam se preocuparem com isso, ao menos , cumprirem o papel deles.
 
Ingrid em 31/08/2015 22:06:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions