ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Desacordada, mulher é levada para UPA e estupro é descoberto por médico

Crime foi descoberto em uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento) após a vítima reclamar de dor na região da vagina e do ânus

Por Kerolyn Araújo | 17/01/2019 15:36

Uma mulher de 29 anos procurou a polícia na quarta-feira (16) para denunciar um estupro sofrido no último domingo (13), no bairro Caiçara, em Campo Grande. A vítima foi socorrida desacordada pelo Corpo de Bombeiros.

Conforme informações do boletim de ocorrência, a mulher relatou à polícia que na madrugada do último domingo (13) estava em uma choperia na Rua Brilhante, onde conheceu duas mulheres. Por volta das 4h30, ela foi convidada pela dupla para ir até uma vila de casas na mesma região.

Segundo a vítima, três homens desconhecidos estavam na casa, onde todos ingeriram mais bebidas alcoólicas. Um dos rapazes, sobrinho do proprietário da vila, convidou a mulher para ir até a sua quitinete. Depois disso, conforme a ocorrência, a vítima não se lembra de mais de nada.

Na manhã de domingo, a mulher acordou e percebeu que estava com o rosto machucado e, novamente, perdeu a consciência. O dono da vila de casas acionou o Corpo de Bombeiros e ela foi levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Universitário.

No local, a vítima começou a sentir dores na região da vagina e do ânus. Ela foi examinada por um médico, que constatou a violência sexual.

Ontem, ao deixar a UPA onde estava internada desde o domingo, a vítima procurou a Deam (Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher). O caso foi registrado como estupro e está sendo investigado.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário