A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/08/2015 09:41

Desafio do "Dia D" é manter o status de livre da paralisia infantil há 26 anos

Mariana Rodrigues e Renata Volpe Haddad
A meta é imunizar no mínimo 95% das crianças até o final da campanha. (Foto: Vanessa Tamires)A meta é imunizar no mínimo 95% das crianças até o final da campanha. (Foto: Vanessa Tamires)

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) realiza, neste sábado (15), o Dia D da Campanha de Vacinação contra a Poliomielite. Além dos postos de saúde a campanha ocorre em outros outros 80 pontos contando com unidades de saúde e postos volantes terão as vacinas disponíveis. A campanha também tem o objetivo é regularizar o esquema de vacinação das crianças menores de 4 anos.

Centenas de pessoas foram até a UBS (Unidade Básica de Saúde) do Bairro Maria Aparecida Pedrossian, para vacinar as crianças de seis meses a menores de cinco anos. A meta é imunizar no mínimo 95% das crianças até o final da campanha, ou seja, 54.387 crianças menores de cinco anos de idade, que deverão ter avaliados a sua situação vacinal.

Segundo a gerente técnica do Serviço de Imunização da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), Cássia Tiemi Kanaoka, já são 26 anos sem casos da doença no Brasil, mas isso não é motivo para os pais se acomodarem. “Os pais precisam se conscientizar que a vacinação é importante, pois como não tem casos, as pessoas acabam não levando seus filhos para vacinar”, alerta.

O secretário de Saúde, Jamal Salém, fez um apelo para que os pais e responsáveis levem as crianças até os postos para serem imunizadas. “São apenas duas gotinhas que não possuem efeitos colaterais”, afirmou.

A professora Janaina Lima, 36 anos, aproveitou o Dia D e levou o filho Marcelo, de cinco meses, pois acredita na importância da imunização. “Soube da campanha pela televisão e minha agente de saúde também havia me informado, a vacinação é uma maneira de prevenir doenças , pois quem sofre são as crianças”.

Quem também aproveitou a campanha foi a aposentada Antonia Francisco dos Santos, 77 anos, ela levou o bisneto Cauã de cinco anos para vacinar. “Todos os anos eu levo ele para vacinar, é importante para prevenir futuras doenças e deixar o caderno de vacinação dele completo”.

A campanha vai até o dia 31 de agosto, e como diferencial, neste ano além dos postos de saúde, é possível vacinar as crianças nos Ceinfs, shoppings, supermercados e na Praça Ary Coelho. Em Campo Grande, são 61.234 crianças que fazem parte do público alvo da campanha.

Ainda conforme Cásssia, o objetivo não é prorrogar a campanha, já que ela se estende até o final de agosto. “A meta não é prorrogar a campanha, pois ela só é eficaz quando consegue vacinar o maior número de pessoas simultaneamente, quando é prorrogada a campanha é sinal de que não foi eficiente”.

Pontos de atendimentos: Haverá vacinação também nos shoppings Norte Sul Plaza, Bosque dos Ipês e Campo Grande e ainda nas redes de supermercados Comper, Extra, Atacadão e Walmart. Após o Dia D, a Campanha segue em todas as Unidades Básicas de Saúde, das 7h às 11h e das 13h às 17h.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions