A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

05/11/2011 13:23

Escola aciona psicólogos para acolher colegas de menino que caiu de prédio

Marta Ferreira
Menino caiu do 13º andar de prédio, nesta sexta-feira. (Foto: João Garrigó)Menino caiu do 13º andar de prédio, nesta sexta-feira. (Foto: João Garrigó)

O Colégio Dom Bosco, onde estudava o menino que morreu ontem, após cair do 13º andar do prédio onde morava, em Campo Grande, acionou sua equipe de psicólogos para atender os colegas de sala de aula do menino, que fazia o sexto ano, e também das turmas onde estudam a irmã dele, de 13 anos, e o irmão, de 7 anos.

A assessoria de imprensa da escola informou que desde ontem, psicólogos que atendem os alunos já estão voltados ao atendimento dos irmãos do menino e dos colegas dele, crianças que ficaram bastante abaladas com a morte.

O corpo de Gabriel Francisco seria sepultado às 12h30, no cemitério Jardim da Paz, na saída para Sidrolândia.

A Polícia Civil abriu inquérito sobre o caso e a principal suspeita, que provocou comoção ainda maior, é de que o menino tenha se jogado. Há relatos, feitos pela irmã, de que ele já havia falado antes em fazer isso.

Momentos antes de cair, o menino estava fazendo tarefa de escola, e, conforme informações já divulgadas sobre a investigação, ficou nervoso por não conseguir executar um desenho.

A janela de onde ele caiu teve a tela de proteção cortada. Uma faca de cortar pão foi encontrada próximo. Os investigadores acreditam que, para alcançar a janela, ele tenha subido no tanque, que fica próximo.

Diante de tudo isso, a acolhida as crianças exige acompanhamento. Ouvida ontem pelo Campo Grande News, a psicóloga Abigail do Lago, alertou que é preciso muita cautela, pois ainda não há confirmação do que ocorreu de fato.

Além disso, afirmou, “as explicações devem ser dadas pelos pais e professores com base nos dados de realidade”.

Abigail afirmou que o suicídio infantil é um tema quase indiscutido e intocado, pois coloca em cheque o mito da inocência infantil. “Por isso, na maioria dos casos se atribui o ato suicida a um possível acidente doméstico”.

Ela lembrou, ainda, aos pais que enfrentem perguntas dos filhos, que é importante esclarecer todas as dúvidas das crianças utilizando linguagem adequada à idade delas.



Muitas vezes nós como pais erramos tentando acertar. Não ha dor maior que essa em perder um filho nessas condições. Por isso não cabe a nós julgarmos nem critica-los por essa fatalidade. Nesse momento esses pais precisam de apoio e amor.Só de amor porque isso poderia ter acontecido com qualquer um de nós...
Deus dará força, amor e paz a vocês.

 
Lilian Guimarães em 08/11/2011 12:34:15
Pais e Educadores!
Precisamos conhecer nossos filhos profundamente, para que não aconteça isso mais!!! Precisamos amar mais, assim como Jesus Cristo nos amou!
 
Ana Paula Fenelon em 06/11/2011 11:44:38
TENHO CERTEZA QUE ESTES PAIS ESTAVAM TENTANDO DAR O MELHOR DE SI NA CRIACAO DOS FILHOS, SE HOUVE ESTA FATALIDADE POR ALGUM DISTURBIO DO GAROTO, PROVOCADO OU NAO PELA AUSENCIA PAIS PELO EXCESSO DE TRABALHO, DEVERIAM ESTAR TRABALHANDO DURO PARA TENTAR DAR UM FUTURO MELHOR PARA SUAS CRIANCAS. QUE DEUS CONFORTE ESTA FAMILIA. SO ELE PODERA DIRECIONAR O CAMINHO DA QUI PRA FRENTE... QUE DEUS OS ILUMINE.
 
carlos juniro em 06/11/2011 07:26:22
Alerta mesmo principalmente aos pais ausente,sempre ocupado com muito trabalho se dedicam muito em sempre ganhar e dar o melhor conforto e nunca tem tempo para se ocupar com os filhos;que precisam de; atençao, carinho ,ir ao parque,andar bicicleta ou ate mesmo ver o por do sol juntos gestos tao simples que enriquecem e cria uma cumpricidade que dinheiro nenhum paga.
 
luciana silva em 06/11/2011 06:24:16
Tarefas... Relacionamentos.....Professores....Pais.... Pressão... Depressão... Fuga... Castigos... Peso... Mala sem alça... O que Somos? O que estamos fazendo? Morrendo Crianças inocentes?....Sem Palavras>>>>>
 
Célia Campos em 06/11/2011 03:11:11
ALERTA PAISSSS, APRENDAMOS A CONHECER NOSSOS FILHOS, NÃO SIMPLESMENTE CUIDAR , ZELAR... É BEM MAIS .... AMAR VERDADEIRAMENTE, CONHECER INTERIORMENTE. NÃO QUERO COM ISSO CRITICAR OU ROTULAR + QUE TENTEMOS DAR MAIS QUALIDADE A ESSA RELACÃO.
 
VIRGINIA LUZ em 05/11/2011 06:43:29
ESTA DEVE SER UMA DOR INDESCRITÍVEL, QUE ESTA FAMÍLIA ENCONTRE CONSOLO NAS MÃOS DE DEUS E DOS AMIGOS ,ESTAMOS COM VOCÊS AQUI EM RIO VERDE ,FORÇA NESTA HORA TÃO DIFÍCIL E FORÇA TAMBÉM AOS AMIGOS .
E PARABÉNS PELA COBERTURA JORNALISTICA DESTE VEICULO DE COMUNICAÇÃO NÃO EXPONDO A FAMÍLIA SEMPRE COM MUITO RESPEITO NESTA HORA TÃO DIFÍCIL
QUE DEUS ESTEJA COM VOCÊS..
 
VINICIUS MARQUES em 05/11/2011 03:39:59
Condordo com a psicologa que diz que as criancas devem ter em suas respostas a mais claras possiveis e asseciveis ao seu conteudo, pois falar em suicidio infantil e algo que causa bastante estranheza, quando fiz minha monografia com o tema de sucidio pouco se ve falar na literatura a respeito de crianca. por ter estudo profundamente este tema e caso seja o real motivo, so podemos desejar forca .
 
vanuza martins em 05/11/2011 02:21:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions