A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

06/07/2013 13:18

Festas no Carandá Bosque tiram o sono dos moradores em Campo Grande

Evelyn Souza e Paulo Francis
Casa ficou conhecida no bairro como Mansão Carandá. (Foto: Paulo Francis)Casa ficou conhecida no bairro como "Mansão Carandá". (Foto: Paulo Francis)
Organizador diz que evento foi cancelado por rolo com a casa. (Reprodução/Facebook)Organizador diz que evento foi cancelado por "rolo com a casa". (Reprodução/Facebook)

Uma casa que organiza festas está tirando o sono dos moradores do bairro Carandá Bosque, em Campo Grande.

O local que fica na Rua Estrela do Norte já ganhou até apelido, “Mansão Carandá”. As festas já são bem conhecidas e as reclamações entre a vizinhança são as mesmas. Som alto, algazarra, menores consumindo bebidas alcoólicas e muita sujeira.

Maria Amélia diz que o problema é frequente há três meses. “Já fizemos reunião com os moradores, registramos boletim de ocorrência, mas nada adiantou. A Polícia vem, eles abaixam o som, mas depois de alguns minutos aumentam novamente”.

Com medo de represálias, muitos moradores não quiseram ser identificados na reportagem. Um deles, disse que o proprietário da “mansão” foi assassinado em 2005 e que a casa ficou abandonada por cinco anos. Inseguro pela aglomeração de pessoas que ficam no local, ele contou a nossa reportagem que já chegou a dormir em um hotel para poder descansar.

“O som estava tão alto que tremia as paredes da minha casa. Só tenho final de semana para descansar, tive que ir dormir em um quarto de hotel. Dias depois uma mulher que eu acho que é a responsável pela casa me pediu desculpas, mas no outro sábado fez festa de novo”, diz o morador.

O aposentado Germano Nunes, de 52 anos não se conforma com o desrespeito. A mãe dele, de 84 anos mora na rua de trás da mansão e não consegue dormir por conta da música alta. “Não ligo que façam festa, mas tem que ser com volume moderado. O direito dele vai até onde começa o meu”, diz o aposentado.

Outro morador que também não quis ser identificado, disse que dois policiais, um civil e outro militar, são contratados para fazer a segurança da festa. “ Por isso que as reclamações nunca dão em nada”, desabafa.

Eles também reclamam da quantidade de adolescente consumindo bebidas alcoólicas e da sujeira que fica no loca. 

Segundo os moradores, uma gravação de clipe está prevista para acontecer na casa no próximo dia 25.

Nas redes sociais, uma festa que recebeu o nome de On Time, programada para acontecer no próximo sábado, dia 13 de julho, foi cancelada. No Facebook, o banner diz que seria Open Bar, com músicas do estilo funk e hip hop.

Na página do evento, o organizador escreveu que o motivo do cancelamento foi “rolo com a casa”.

O promotor de eventos, Jefferson Gomes de Moraes, de 19 anos, disse que decidiu cancelar o On Time, porque a Polícia pediu alvará. Segundo ele, três pessoas que organizam esse tipo de eventos na "Mansão Carandá" foram chamadas para prestar depoimento na delegacia.

Ele não soube informar o contato do responsável pelo aluguel da casa que de acordo com ele, custa R$ 500.

Os convites estavam sendo vendidos no Gugu Lanches. A informação que foi repassada à reportagem foi que a lanchonete não se responsabiliza pelos problemas e reclamações em relação ao local onde as festas acontecem. Para a comercialização, os anunciantes precisam assinar um contrato onde assumem essas responsabilidades.



Sr ELSON FALCAO, na minha juventude vivíamos sob o regime militar, bastava um telefonema informando sobre baderna e em 5 minutos a PM acabava com a festa. Bons tempos aquele. Hoje você liga para a PM ela vem, eles abaixam o som e quando ela vai embora eles aumentam de novo. Outra coisa sr ELSON FALCAO na minha juventude existia RESPEITO que hoje não existe mais. E por ultimo existe duas opções 1º ou o sr é um dos frequentadores desse tipo de festa ou 2º o sr nunca passou a noite em claro por causa de uma dessas festas.
 
Alex André de Souza em 10/07/2013 11:27:42
VEJO MUITOS COMENTÁRIOS INÚTEIS DIZENDO FAZ FESTA NA FAZENDA, FAZ FESTA NO "INFERNO" "BADERNEIROS" ENTRE OUTROS COMENTÁRIOS QUE ISSO GENTE ? VOCÊS NUNCA FORAM JOVENS E GOSTAVAM DE FESTA ? OU MORARAM NA FAZENDA E A ÚNICA FESTA QUE IAM ERA A FESTA JUNINA ??? DEIXEM ELES FESTAREM !!!
 
ELSON FALCAO em 09/07/2013 19:07:12
Srs vizinhos
ponham alguns ovos em um saco plastico e deixem ao sol por uns tres dias.
na hora da festa façam a festa, o cheiro é insuportavél
 
Alex André de Souza em 09/07/2013 09:42:19
esta residência esta sobre inventario tem quatro herdeiros, a inventariante chama se Lucimar que dificulta a partilha pois esta exufruindo dos bens sozinha sem prestar conta ao sr juiz
 
GABRIELA SOUZA em 08/07/2013 22:03:03
Não são os moradores do local que tem que se mudar de lá. São os baderneiros que têm que procurar uma Fazenda, reservar um lugar no inferno ou alugar um local próprio, inclusive, com alvará da Prefeitura para funcionamento.
Trata-se de um bairro residencial e não é local de comércio e nem de badernas, inclusive, uso de drogas. É coisa de Polícia e cadeia mesmo. Por que o poder público não toma providências? A segurança em C. Grande é mais uma Instituição que não funciona.
Nos pagamos caro por isto e temos o direito de exigir, pois é atribuição e um dever institucional do Estado.
 
Maria Anete Barros em 08/07/2013 20:22:22
O incomodado que se mude!
 
wesley souza em 08/07/2013 09:07:44
HÁ DUAS SEMANA ATRÁS PASSEI POR ESSA CASA ONDE ESTAVA ACONTECENDO UMA DESSAS FESTAS. FIQUEI HORRORIZADA COM A QUANTIDADE DE JOVENS BÊBADOS FAZENDO ALGAZARRA NO MEIO DA RUA. É UM DESRESPEITO COM A VIZINHANÇA. O PROPRIETÁRIO DESSA CASA "MANSÃO" E OS ORGANIZADORES DA FESTA DEVEM SER PRESOS! É O MÍNIMO QUE SE DEVE FAZER PARA ESSES DETURPADORES DA LEI.
 
Manoela Gomes dos Santos em 07/07/2013 15:33:44
MENORES BEBENDO, USANDO DROGAS,
MENORES DIRIGINDO GENTE ALCOOLIZADA DIRIGINDO?
SERÁ QUE OS MORADORES SÃO TODOS MENTIROSOS?
POR QUE A POLICIA NÃO FAZ NADA?
POR QUE É CONIVENTE?
TÃO FAZENDO BICO?
QUEM TA LEVANDO DINHEIRO?
POR QUE ISSO NÃO SAI DE GRAÇA.
O QUE ESTA ACONTECENDO?
POR QUE O DESCASO?
FAZER GRAVAÇÃO DE CLIPE EM BAIRRO RESIDENCIAL?
CADE O ECAD?
CADE O CREA?
CADE A PREFEITURA?
CADE O CORPO DE BOMBEIROS?
CADE AGETRAN?
CADE A POLICIA MILITAR?
CADE A LEI SECA?

CADE A BOA VONTADE?
 
JULIO JUNIOR em 07/07/2013 01:58:55
Poucos dias o Campograndenews, publicou um caso desse em Aquidauana onde os "transgressores da lei do silêncio" receberam multas e recolhimento dos instrumentos de som. Agora não sei porque aqui em Campo Grande fica essa "cidade sem lei", tem a lei do silêncio, mas é a mesma coisa que não ter. O cidadão tem sua casa e chegar ao ponto de ter que ir para um quarto de hotel é um absurdo. Paga os impostos e não tem seus direitos garantidos. Eu não sei o que faz a secretaria de segurança pública em Campo Grande que deixa muito a desejar. Policial aparece nesses ambientes depois que acontece uma desgraça fatal. A sociedade não está mais suportando isso.
 
João Alves de Souza em 06/07/2013 22:13:34
Tem de fazer vários BOs, um para cada dia de barulheira. Como se trata de contravenção penal, é de competência do Juizado Especial, e os responsáveis podem fazer a famosa transação.

Agora, o que muita gente desconhece, é que há um limite para a dita cuja. Se existirem vários BOs, serão abertos outros inquéritos e, consequentemente, outros processos no Juizado, em que as partes estarão impossibilitadas de transacionar, pois já o terão feito.

Também serve para demonstrar a habitualidade da contravenção, ou seja, a seriedade da situação.

E... alguém já pensou na possibilidade da vizinhança se unir e processar o proprietário e os organizadores por danos materiais e morais? Afinal som alto e privação de sono são formas clássicas de tortura.
 
Guilherme Arakaki em 06/07/2013 21:43:15
A Prefeitura é responsável pelos alvarás concedidos. Senhores moradores dessa região entrem na justiça e peçam a interdição dessa "muvuca".
 
JOSE ALFREDO DE MELO em 06/07/2013 20:53:09
Minha filha recebeu um panfleto no colégio Dom Bosco sobre essa festa do dia 13. No colégio praticamente os alunos são menores, então entrei no face e cheguei a ver comentários desaforados sobre o consumo de drogas. Como num local intitulado "mansão" vai ter controle se entra menor ou não? se a bebida é livre, piscina livre etc. Os organizadores e o proprietário dessa residência deveriam ser seriamente processados por indução de menores ao consumo de bebidas e outras coisas. CADEIA PARA TODOS.
 
Fernanda Goullart em 06/07/2013 20:20:09
R$500,00 o aluguel de uma mansão no Carandá bosque????? Barato né, estranho...
 
cristiana rosa em 06/07/2013 19:26:05
Se querem silêncio e paz, comprem uma fazenda ué, pessoal do Carandá tem grana mesmo ... E outra, aonde for fazer festa aqui, sempre vai ter uns que não podem ir que vão reclamar... Povo fresco do caramba !
 
Gabriel Santos em 06/07/2013 19:03:20
Prezados Moradores,

Sugiro denunciarem à 27a Promotoria da Infância e Juventude, comandada pelo Nobre Dr. Sérgio Harfouche, porque, tenho certeza que ele resolve este problema, principalmente se acontecer de adolescentes e menores consumirem bebidas alcoólicas...
 
Luiz G Mendes em 06/07/2013 18:24:39
esses moradores devem ser os mesmos que aplaudiram o som na acrisul, agora reclamam do barulho, que sirva de exemplo. som alto tem em todo lugar, o MP pode intervir mas não faz nada, pq não da holofote e mais existe uma lei que obriga o morador a fazer silencio e assim o estado é o principal culpado. se fosse em bairro de pobre a policia apreendia o som prendia o dono ou responsável, mas como é bairro de ricos nada fazem "rico tb tem ouvido assim como pobre.
 
vidal da silva em 06/07/2013 16:40:04
Ontem noite a mesma barulheira de novo.

Bom, ta previsto gravação de um clipe la dia 25? Dica: fazer bastante barulho (buzinas de carro, musica classico em volume altissimo, ...), para que eles não conseguem gravar certinho o som do clipe sem barulho do fundo. Ai vamos ver se a gravadora responsável para o clipe não vai acionar o dono da casa...
 
Marcos da Silva em 06/07/2013 15:11:13
Pelo que se sabe, locais como esse devem ser dotados de sistema de isolamento acústico, e em residência após as 22.h é crime., ENTONCES....
 
Suzi Costa em 06/07/2013 14:57:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions