A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

17/06/2015 08:35

Funcionários do Judiciário voltam a cruzar os braços por 24 horas nesta quarta

Flávia Lima
Servidores do Judiciário realizam nova assembleia à tarde. (Foto:Marcelo Calazans)Servidores do Judiciário realizam nova assembleia à tarde. (Foto:Marcelo Calazans)

Servidores do judiciário federal de Mato Grosso do Sul voltam a paralisar as atividades nesta quarta-feira (17) por 24 horas e realizam assembleia a partir das 15 horas para decidir sobre a continuidade do movimento.

A categoria já havia feito uma paralisação na segunda-feira. (15) e agora volta a se concentrar em frente ao prédio da Justiça Federal. Os servidores pedem que o Congresso Nacional aprove lei que concede reajuste de 50%.

De acordo com Eliezer Inácio de Oliveira, coordenador geral do Sindjufe (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União no estado), o movimento de segunda-feira teve adesão de praticamente 100% da categoria em Campo Grande. Em Rio Brilhante a paralisação também atingiu todos os funcionários e apenas estagiários permaneceram trabalhando, segundo sindicalista.

O coordenador jurídico do Sindjufe, José Ailton Pinto, disse que além da reivindicação pelo reajuste, a categoria pede maior segurança no exercício de suas funções. "Os oficiais de Justiça reclamam de falta de segurança, pois nossa atividade está intimamente ligada com a repressão”, destaca.

Em Mato Grosso do Sul são 2,5 mil servidores, dos quais 30% continuariam nas atividades em respeito ao quantitativo mínimo para que o movimento seja legítimo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions