A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/01/2014 17:52

Governo pode doar área para construir centro de recuperação de usuários de droga

Lidiane Kober

O Governo do Estado estuda doar área de 50 hectares para construir centro de referência nacional na recuperação de usuários de drogas. A ideia surgiu em 2012 e é encabeçada pela Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça e Vara de Lavagem de Campo Grande, comandada pelo juiz federal Odilon de Oliveira.

Nesta quinta-feira (30), inclusive, Odilon foi ao gabinete do governador André Puccinelli (PMDB) para discutir a doação. “O governador está empolgado com o projeto”, relatou. Porém, por enquanto, não foi definida a área a ser doada. “O governo está estudando qual será a melhor localização”, acrescentou o juiz.

Antes, no entanto, é preciso formar a diretoria do centro de recuperação para começar a receber as doações. “Em breve, eu, o presidente do Tribunal de Justiça e da Assembleia vamos nos reunir para programar a criação da entidade”, disse Odilon.

Segundo ele, o plano é abrir em Mato Grosso do Sul uma “entidade de grande vulto, de caráter nacional”. “Vamos trabalhar com internação, profissionalização e reinserção dos dependentes químicos no mercado de trabalho”, adiantou.

Neste sentido, a ideia é envolver todos os segmentos da sociedade para atrair doações e conseguir vagas de trabalho. “Vamos envolver, por exemplo, a Associação Comercial e a Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul)”, citou o juiz.

Política - Ainda sobre a reunião com o governador, Odilon afastou ter foco político. “É natural discutir um pouco da conjuntura, mas não houve convite para nada, nem entramos muito no assunto”, garantiu o juiz. Recentemente, ele pediu a aposentadoria do magistrado para poder concorrer nas eleições de outubro deste ano.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions