A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

12/03/2015 18:05

Justiça inocenta jardineiro suspeito de manter adolescente em cárcere privado

Alan Diógenes
Ao lado da filha e da advogada, Dirceu pretende voltar a vida normal e rever o filho dele com a adolescente. (Foto: Divulgação)Ao lado da filha e da advogada, Dirceu pretende voltar a vida normal e rever o filho dele com a adolescente. (Foto: Divulgação)

O jardineiro Dirceu Benites, 40 anos, suspeito de manter uma adolescente de 17 anos em cárcere privado no Bairro Guanandi em agosto do ano passado foi inocentado pelo juiz José Carlos de Paula Coelho e Souza durante audiência na 2ª Vara da Violência Familiar e Contra a Mulher. Ele estava sendo denunciado pelos crimes de cárcere privado e constrangimento ilegal pelo MPE (Ministério Público Estadual).

Conforme a advogada do jardineiro, Rosana Espíndola, o juiz expediu o alvará de soltura por não haver provas suficientes para incriminar Dirceu. “A adolescente alegava que ele a prendia em casa sendo que ela conseguiu escrever um bilhete, atrás de uma receita médica e entregar na farmácia do bairro. Ela também tinha um aparelho celular mas não utilizava para sair do suposto cárcere. Isso foi usado pelo juiz para definir a liberdade dele”, explicou.

Na época o caso ganhou grande repercussão na mídia local. Quem ouviu as testemunhas e cuidou do caso foi o delegado Paulo Lauretto, da DEPCA (Delegacia de Atendimento à Criança e ao Adolescente).

A história veio à tona depois que a vítima pediu ajuda em uma farmácia de Campo Grande. A jovem escreveu um pedido de socorro no verso da receita em que recebeu após uma consulta no posto de saúde do Guanandi.

A farmacêutica que fez o atendimento leu o pedido e acionou a Polícia Militar. Os policiais foram até a casa onde estava a adolescente e a resgataram do local.

O jardineiro chegou a ficar foragido, mas após alguns dias ele se apresentou e juntamente com a ajuda da família negava todo os fatos e alegava que a adolescente com quem mantinha um relacionamento e teve um filho tinha ciúmes da outra família que ele tinha.

Dirceu estava detido no Presídio de Segurança Máxima, no Jardim Noroeste, região leste, de onde foi liberado na data de ontem (11).

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions