A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

08/04/2014 14:56

Mesmo com convocação, faltam 119 médicos nos postos da Capital

Zana Zaidan e Luciana Brazil
Jamal apresentou balanço da situação dos postos da Capital (Foto: Marcelo Victor)Jamal apresentou balanço da situação dos postos da Capital (Foto: Marcelo Victor)

Apesar da convocação de 134 médicos para atender nos seis centros regionais de saúde 24 horas e três UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), a prefeitura de Campo Grande ainda contabiliza déficit de 119 profissionais. A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirma que são necessários pelo menos 200 para acabar com as filas de espera.

O balanço foi apresentado na manhã de hoje (8) pelo chefe da Sesau, Jamal Salém, durante assinatura de convênios com instituições filantrópicas. O problema, aponta Jamal, está no tempo em que o concurso da prefeitura ficou “engavetado”. “Muitos dos convocados não quiseram assumir, estão com outros projetos”, explica.

De imediato, foi estabelecido prazo de 15 dias para minimizar o problema. “Até a Páscoa vamos ter mais dez médicos, cinco clínicos e cinco pediatras”, garante o secretário. Em seguida, as convocações vão continuar, até que o quadro de profissionais atinja os 200.

Enquanto isso, a Sesau investe na remuneração dos plantonistas, a fim de atrair os profissionais. “Enquanto não temos mais médicos, oferecemos mais plantões para os que já atuam na rede. Tanto clínicos gerais como especialistas recebem R$ 850”, afirma.

Planejamento – Ao assumir a pasta, Jamal anunciou que faria o “feijão com arroz” - suprir a falta de médicos, de viaturas do Samu (antes quatro, hoje 11) e reposição de medicamentos nos postos de saúde. Hoje, 20 dias após início dos trabalhos, novas prioridades foram estabelecidas, principalmente quanto ao atendimento especializado.

Jamal exemplifica que a fila para o raio-x chega a 14 mil pacientes. A capacidade do município é de 2 mil exames por mês. “Queremos dobrar a capacidade para diminuir a fila, por meio de convênios com a Santa Casa, Hospital Regional e Universitário”, explica.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions