A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

19/09/2011 17:05

Ministério Público pede prisão para lutador que matou vigia

Nadyenka Castro

De acordo com o MPE, Airton Colognesi não foi localizado no endereço informado à Justiça, descumprindo assim medidas cautelares impostas pelo TJ/MS

Lutador foi preso em flagrante, mas Tribunal de Justiça mandou soltar. Agora, MPE quer a prisão novamente. (Foto: Pedro Peralta)Lutador foi preso em flagrante, mas Tribunal de Justiça mandou soltar. Agora, MPE quer a prisão novamente. (Foto: Pedro Peralta)

O MPE (Ministério Público Estadual) pediu à Justiça novo decreto de prisão preventiva para o lutador Airton Colognesi Pinheiro, 36 anos, que no dia 7 de julho deste ano espancou até a morte o vigia Adelson Eloi Nestor de Almeida, de 46 anos, em Campo Grande.

De acordo com pedido do promotor de Justiça Renzo Siufi, o acusado não foi localizado no endereço informado à Justiça, tendo desta maneira, descumprido medidas cautelares impostas pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul).

De acordo com o MPE, ao citar Airton sobre o recebimento da denúncia contra ele, o oficial de Justiça constatou que o réu mudou-se sem deixar endereço. Situação que ele não poderia fazer, conforme determinação do TJ/MS.

Na decisão que concedeu a soltura do lutador ficou determinado, como condição para manutenção da liberdade, que ele informasse à Justiça mudanças de endereço. Como não cumpriu a medida cautelar, o MPE pediu a prisão.

Agora, o pedido será analisado pelo juiz Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri.

O caso - Airton matou Adelson com golpes de barra de ferro. Laudos periciais confirmaram a utilização da mesma e ainda rachadura de 10 centímetros na cabeça da vítima.

Adelson estava trabalhando em um posto de combustíveis localizado na avenida Tamandaré, Jardim Seminário, quando flagrou Airton passando no meio das bombas de combustíveis.

O vigia abordou o rapaz e o mandou sair de dentro do posto, informando que o local era propriedade particular e já estava fechado. Airton não gostou de ser advertido por Adelson, e os dois começaram a discutir.

Adelson passou a ser agredido e ainda tentou fugir, mas foi alcançado e espancado até a morte.

Airton foi preso em flagrante, teve a prisão preventiva decretada, mas, 10 dias depois já estava em casa, por determinação do desembargador João Carlos Brandes Garcia, em caráter liminar, e confirmação da 1ª Turma Criminal.



Matou um pai de familia trabalhando para alimentar seus filhos, foi preso em flagrante e posto em liberdade. preste bem atênção, matou e está livre ai mudou de endereço por isto vai preso? qual foi o crime o assassinato ou á mudança de endereço????
 
Geovan f souza em 19/09/2011 09:47:57
Cadeia nele,nossa da uma vontade de falar palavras que não serão publicadas para esse individuo... tomara que apodresa na cadeia .
 
noele de oliveira em 19/09/2011 08:18:03
OTIMO. OTIMO
TOMARA QUE O ASSASSINO DO SEGURANÇA BRUNAO TAMBEM VOLTE A CADEIA. SERIA OTIMO TOMARA. ESTE JUIZ ESTA DE PARABENS
 
rumildo melgarejo em 19/09/2011 06:49:11
Infelizmente o próprio judiciário acaba refém deste nosso Código Penal jurássico, Atenção senhores legisladores, o país precisa de uma reforma penal já. Lugar de bandido é na cadeia!

O Chisthiano Luna de Almeida, assassino do Brunão continua solto, gozando das benesses deste Código Penal ultrapassado, e rindo da cara de toda a sociedade.
 
João Márcio Escobar em 19/09/2011 06:38:54
CADA DIA MAIS FICAMOS DESCRENTES COM A JUSTIÇA NO BRASIL, SE FOI PEGO EM FLAGRANTE NAO TEM QUE TER LIMINAR, ENQUANTO EXISTIR ESTES TIPOS DE "JUIZES E ADVOGADOS" A NOSSA JUSTIÇA VAI CONTINUAR A PASSOS DE TARTARUGA E CADA VEZ MAIS DESACREDITADA E O NOSSO BRASIL LA FORA "O PAIS DA IMPUNIDADE!!" VEGONHA!!
 
CARLOS DAMASCENO em 19/09/2011 05:48:54
Um assassino desses jamais deveria ter tido o direiro de responder o processo em liberdade.È essa leniência de nossas leis penais que incentivam crimes monstruosos como esse,pois a impunidade se faz presente.
 
MARCELLO MENDES em 19/09/2011 05:26:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions