ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 

Capital

Na periferia, comerciante deu “jeitinho” para continuar funcionando

Apesar de proibição, estabelecimentos abriram as portas, mas restringiram circulação de pessoas

Por Tainá Jara e Paulo Francis | 22/03/2021 18:19
Loja de materiais de construção só podem funcionar no sistema delivery, conforme o decreto (Foto: Paulo Francis)
Loja de materiais de construção só podem funcionar no sistema delivery, conforme o decreto (Foto: Paulo Francis)

Por desinformação ou necessidade, comerciantes da periferia deram um “jeitinho” de burlar o decreto restritivo, em vigor a partir desta segunda-feira, em Campo Grande. Apesar do flagrante, os estabelecimentos verificados pela reportagem do Campo Grande News tentara, de alguma forma, restringir a circulação de pessoas e evitar aglomerações.

Brechó sinalizou com cordinha para impedir a circulação de pessoas (Foto: Paulo Francis)
Brechó sinalizou com cordinha para impedir a circulação de pessoas (Foto: Paulo Francis)

Cordinha ou faixa zebrada na porta de entrada ou até atendimento pela janelinha, no esquema pegue e leve, foram algumas das situações verificadas em comércio dos bairros Nova Lima e da Mata do Jacinto, na região sul da Capital.

Conforme o decreto, válidos até a próxima sexta-feira, apenas serviços essenciais podem continuar em funcionamento. Alguns, como conveniências, comércio de alimentos e medicamentos para animais e assistência veterinária para atendimentos de urgência; e comércio de materiais de construção exclusivamente para reparos emergenciais pode manter os trabalhos apenas no sistema delivery.

Loja de material de construção foi flagrada com as portas abertas, porém, com sinalização

Loja de peças de moto estão autorizadas a funcionar apenas com entrega em domicílio (Foto: Paulo Francis)
Loja de peças de moto estão autorizadas a funcionar apenas com entrega em domicílio (Foto: Paulo Francis)

para evitar a entrada de pessoas. Loja de peças para motocicletas também abriu as portas. Ambas estão autorizadas a funcionar, porém, apenas no sistema delivery.

Brechó, na mesma região, sinalizou com uma cordinha para evitar que clientes circulem no estabelecimento. Lojas de utilidades ficaram atendendo apenas na janela. Loja de manutenção de celulares abriu normalmente. Tais serviços não são considerados essenciais conforme a atualização do decreto, publicada neste domingo.

Todos os estabelecimentos, no entanto, devem respeitar o toque de recolher das 20h às 5h.

Confira aqui o que pode funcionar nesta semana. 


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário