A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

05/10/2015 23:51

Olarte chegou com dor cabeça, foi atendido e saiu com receita de dipirona

Flávio Paes

O prefeito afastado de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), já está de volta ao Presídio Militar depois de passar menos de uma hora no Hospital Miguel Couto, da Unimed. Ele chegou reclamando de dor de cabeça, com a impressão de ser um sintoma de pressão alta. O diagnóstico médico não confirmou a hipertensão e após o exame clínico, seguido de um período de observação, Olarte foi liberado, levando a prescrição de  se medicar com  dipirona comprimido.  A ida e a permanência de Olarte no hospital, teve o acompanhamento de escolta policial.

Olarte está no Presídio Militar desde a madrugada de sexta-feira(2) cumprindo os cinco dias de prisão decretados pelo desembargador Luiz Cláudio Bonassin. Nesta terça-feira ele prestará depoimento ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) sobre a Operação Coffee Break. O prefeito é acusado de comandar um suposto esquema de compra de votos dos vereadores para cassar o mandato de Alcides Bernal (PP).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions