A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/08/2014 08:50

Parque reabre sem shows, 17 empresas e quer ser shopping do agro

Aline dos Santos
Parque de Exposições ficou 96 dias fechado (Foto: Marcos Ermínio)Parque de Exposições ficou 96 dias fechado (Foto: Marcos Ermínio)

O Parque de Exposições Laucídio Coelho, da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande, reabriu os portões no dia 21 de agosto após 96 dias de interdição, prejuízo de R$ 500 mil e saída de 17 empresas. “Agora tem umas três. Antes, eram 20 empresas. Mas cancelaram o contrato, saíram de lá e alugaram escritórios em outros locais”, afirma o presidente da associação, Francisco Maia.

O local foi interditado por ordem do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) em 16 de maio. Agora, a reabertura foi possível porque Acrissul obteve a licença ambiental da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano).

De acordo com Maia, foram investidos R$ 1 milhão em obras como rede de esgoto, caixa para retenção da chuva e drenagem nas baias. “Pode ter exposições, eventos, leilões, mas shows não”, explica o presidente da Acrissul.

Segundo ele, o foco será tornar o parque um shopping do agronegócio. “Graças a Deus as coisas retornaram ao leito normal. Não queremos brigar mais, merecemo paz”, diz Maia, ao afirmar que não deve mais buscar autorizações judiciais ou licenças para shows. A programação será retomada com leilões.

A expectativa da direção é que as empresas retornem ao parque após o fim dos contratos de locações em outros pontos. “O prejuízo foi grande, três meses fechados. Não fosse o contrato com o Assaí, a Acrissul teria quebrado”, afirma. Com a reabertura, o projeto da equoterapia a crianças com síndrome de down ou deficiência motora será retomado.

A Expogrande, que chegou a 76ª edição neste ano, mais uma vez foi protagonista de batalhas na Justiça. A questão central é a realização dos shows. O MPE (Ministério Público Estadual) pediu ao TJ/MS a interdição do parque e o cancelamento da Expogrande. A feira foi realizada, mas, logo em seguida, o parque teve que fechar os portões.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions